Cidades

Reveillon de Matupá está confirmado e deve atrair mais de 40 mil pessoas

Publicados

em

Foto por: Arquivo Assessoria

O prefeito Bruno Mena confirmou ao Nortão Online que a exemplo de anos anteriores, Matupá terá uma grande festa de réveillon na orla dos lagos, para saudar a chegada de 2022.

De acordo com o prefeito, já está sendo preparada a decoração natalina tradicional, que torna o município um dos principais cartões postais de Mato Grosso na época natalina.

Em 2019, quando foi realizada a última festa de réveillon, o Complexo Turístico dos Lagos recebeu um público estimado em mais de 40 mil pessoas.  O evento é realizado pela Prefeitura Municipal de Matupá e atrai pessoas de vários municípios.

O réveillon aquece a economia local, com hotéis e pousadas lotadas e grande movimentação nos postos de combustível, conveniências, supermercados, lojas e no comércio como um todo.

 

 

Fonte: Nortão Online

 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Bombeiros de Colíder realizam atendimento a feridos em acidente de transito na BR-163 de Itaúba.(Fotos)
Propaganda

Cidades

Governo de MT já pactuou 89% das doses recebidas; veja quanto cada município aplicou

Publicados

em


O Governo de Mato Grosso recebeu, até esta terça-feira (30.11), 6.318.957 doses das vacinas contra Covid-19 do Ministério da Saúde e já distribuiu 5.630.840 aos 141 municípios do Estado, ou seja, 89% do total recebido.

A disponibilização das doses é resultado da soma da primeira e segunda doses ou doses únicas (5.598.859), acrescida das doses destinadas às populações indígenas aldeadas (54.120) e dos arredondamentos técnicos (36.583) necessários para o ajuste volumétrico dos frascos disponibilizados pelo Ministério da Saúde.

É importante destacar que o ranking de aplicação não considera as doses destinadas aos povos indígenas para evitar qualquer disparidade nos dados. Alguns municípios contabilizavam doses aplicadas em aldeias pertencentes a territórios vizinhos e ultrapassavam o limite de 100% da aplicação.
 
Das 5.630.840 doses disponibilizadas aos municípios, as prefeituras aplicaram 4.559.701 (81%), sendo 2.484.802 como primeira dose ou dose única e 1.835.662 como segunda dose. O percentual da semana retrasada era de 81,6%.

Os 10 municípios que mais aplicaram vacinas, considerando o percentual de doses aplicadas em relação às doses recebidas, foram: Nova Brasilândia (99,2%), Campos de Júlio (97%), Diamantino (97%), São José do Povo (96,8%), Primavera do Leste (96,7%), Lucas do Rio Verde (96,4%), Glória D’Oeste (96,3%), Ipiranga do Norte (96,2%), Nortelândia (96,1%) e Guiratinga (96%).

Leia Também:  PREFEITO VISITA SENADOR E GARANTE RECURSOS PARA REVITALIZAÇÃO DA AVENIDA TANCREDO NEVES

Confira o ranking completo de aplicação das vacinas no Boletim Informativo nº 632 ou no Painel de Distribuição de vacinas Covid-19.

A Vigilância Estadual alertou que a utilização de unidades de segunda dose como primeira dose pode comprometer o esquema vacinal da população do município, considerando o fornecimento e as orientações feitas pelo Ministério da Saúde.

Sobre a distribuição

Conforme Resolução da Comissão Intergetores Bipartite (CIB) nº 126 de 2021, doses das vacinas contra a Covid-19 passarão a ser distribuídas mediante solicitação das gestões municipais. A medida se deve ao risco de perda de doses, devido ao prazo de validade, e à baixa procura por imunização em alguns municípios. Desta forma, será encaminhado um quantitativo compatível à necessidade local.

Essa logística já ocorre com todos os outros imunizantes da Campanha Nacional de Imunização e, agora, também passa a valer para as vacinas contra a Covid-19. As solicitações deverão ser feitas por meio do Sistema de Insumos Estratégicos em Saúde (Sies), conforme fluxo já estabelecido com as demais vacinas.

Leia Também:  Nota MT já repassou R$ 568 mil às Apaes em todo Mato Grosso

A Resolução ainda prevê que os municípios deverão solicitar o quantitativo de doses uma vez por semana, às sextas-feiras. A entrega das doses será realizada na semana seguinte.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA