Cidades

Dois profissionais de Colíder estão entre os vencedores da Maratona HACKAMT de Soluções Tecnológicas

Publicados

em

O evento foi realizado pelo Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECITECI). Os desafios tiveram início na sexta-feira (15.10) e seguiram durante todo final de semana, no Shopping Goiabeiras, em Cuiabá.

A equipe Asset Control, da qual os colidenses fizeram parte, ficou em segundo lugar na Maratona, levando um prêmio de R$ 72 mil com a proposta de um software que será responsável pelo Gerenciamento dos Bens Patrimoniais da SECITECI.

A equipe MT Lab conquistou o primeiro lugar profissionais Ighor Bastos, Carol Franquini e Gabriel Alcântara Cardoso tiveram o desafio de promover a Comunicação Direta com o Ecossistema de Inovação. Como resposta, a equipe propôs a construção de um ambiente tecnológico capaz de reunir a demanda da sociedade por inovações e serviços, e conectá-la a oferta de tecnologia gerada entre os parceiros do Parque Tecnológico Mato Grosso. A solução rendeu à equipe bolsas no valor de R$ 108 mil, que será aplicada no desenvolvimento da proposta.

A terceira posição ficou com a Edutec, que faturou R$ 36 mil. A equipe inovou ao propor uma ferramenta de integração para o desafio de Comunicação e Interação entre Escola e Alunos da Educação Profissional Tecnológica da SECITECI. O grupo é integrado pelo gestor pedagógico Valdemar Almeida, os estagiários João Ritter (Engenharia da Computação) e Mauro Delmondes (Sistemas de Informação) e o estudante do 9º ano do ensino fundamental Isaac Pelegrini, que participou como ouvinte.

Leia Também:  Procon notifica Unimed Cuiabá para esclarecimentos sobre cobrança de coparticipação de pacientes autistas

No total, o Governo do Estado investirá R$ 216 mil em premiação. Os valores serão convertidos no financiamento de Bolsas de Desenvolvimento Tecnológico (BDT), que deverão ser aplicados exclusiva no desenvolvimento das propostas.

A Maratona HACKAMT reuniu profissionais e estudantes de diversas áreas do conhecimento, que divididos em grupos, tiveram como desafio a construção de soluções inovadoras nas áreas de ciência, tecnologia e inovação, ligadas diretamente na resolução de questões relacionadas ao dia a dia do setor público.

O evento é uma promoção da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci), MT Ciências, Parque Tecnológico Mato Grosso, Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) e Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso (Fapemat), em parceria com a Empresa Mato-grossense de Tecnologia da Informação (MTI) e Shopping Goiabeiras.

Fonte: Nortão Online com Assessoria
COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Cidades

Dezessete motoristas são presos por embriaguez ao volante durante Lei Seca em Cuiabá

Publicados

em


Dezessete motoristas foram presos na madrugada deste domingo (28.11), após serem flagrados embriagados, durante a 72ª edição da Operação Lei Seca. Dois destes motoristas, ainda tiveram o agravante de desacatar os servidores públicos que trabalhavam durante a ação, que ocorreu na Av. Manoel José de Arruda, no bairro São Matheus, em Cuiabá.

O crime de desacato ao funcionário público no exercício da função ou em razão dela está previsto no Artigo 331 do Código Penal e a pena pode variar entre seis meses a dois anos de detenção ou multa.

A operação fiscalizou 110 veículos, realizando igualmente 110 testes de alcoolemia. Um total de 75 Autos de Infração de Trânsito (AITs) foram lavrados, sendo 26 por condução de veículo sob efeito de álcool, 26 por condução de veículo sem registro ou não licenciado, oito por condução de veículo sem possuir habilitação para tal, oito por recusa à realização do teste de alcoolemia e sete por motivos diversos.

Do total de veículos fiscalizados, 46 foram autuados e 45 foram removidos, sendo 40 carros e 5 motocicletas. A iniciativa também recolheu 22 documentos, sendo 19 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs) e três Comprovantes de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV).

Leia Também:  Mutirão de cadastramento de famílias carentes é realizado no bairro Jardim Paulista

A Operação Lei Seca é uma ação integrada, coordenada pelo Gabinete de Gestão Integrada da Secretaria de Estado de Segurança Pública (GGI/Sesp) e nesta edição contou com a participação do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar, da Delegacia de Delitos de Trânsito (Deletran), do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), da Polícia Penal e da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob).

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA