Esportes

Grêmio vence o Guarani, soma mais 3 pontos e sobe na tabela

Publicados

em

O Grêmio entrou em campo na noite desta sexta-feira, para enfrentar o Guarani, no Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, São Paulo. Buscando os três pontos para se consolidar ainda mais no G-4, o Tricolor venceu os donos da casa pelo placar de 2 a 1, garantindo uma invencibilidade de 15 jogos seguidos no Brasileirão. Os gols foram assinalados por Villasanti na etapa inicial e Biel, na complementar. João Victor descontou nos acréscimos.

Com o resultado, o Grêmio soma três pontos e chega a 40, ocupando a segunda posição na tabela da competição logo após a partida. 

Foi um início movimentado, com o Tricolor superior, pressionando a todo momento e buscando o campo de ataque. Logo, já levou perigo a meta adversária, quando Diego Souza foi acionado dentro da área, dividiu com a marcação, mas caiu – nada foi assinalado. Logo de imediato, a equipe de Roger Machado chegou novamente, desta vez em cobrança de escanteio. Campaz colocou na área, Lucas Leiva subiu sozinho e desviou de cabeça, mas a bola não entrou por detalhe. 

O jogo seguiu melhor para os gremistas e aos 8 minutos, Biel recebeu um passe pelo meio, fez o domínio e finalizou, mas a bola desviou na defesa e saiu pela linha de fundo. Em resposta, os donos da casa tentaram pela direita, com Nicolas Careca, que tentou um cruzamento, mas sem sucesso, parando na defesa tricolor. 

Leia Também:  Corinthians realiza atividade antes de voltar a São Paulo

Foi aos 18 minutos, em uma jogada pelo meio, que o Grêmio abriu o marcador: Villasanti trabalhou com Diego Souza e arriscou de fora da área, mandando no canto esquerdo da meta adversária. 

Já o Guarani seguiu buscando igualar a contagem e chegou aos 26’, com Vilela, que dominou no meio e chutou colocado, mas mandou pra fora. Seis minutos depois, Campaz foi quem levou perigo, chutando rasteiro, mas a bola saiu raspando a trave direita. Em seguida, Biel finalizou de fora da área, Kozlinski espalmou e Guilherme ainda tentou a sobra, mas a zaga cortou. 

Aos 38’, os paulistas tiveram uma grande chance quando Nicolas Careca foi acionado dentro da área, mas Brenno se antecipou e fez a defesa, impedindo a sequência do lance. Em seguida, Person ganhoi da marcação, cruzou para trás, para Nicolas, que arrematou, mas não passou por Geromel, que cortou de cabeça pela linha de fundo. 

Nos acréscimos, mais uma grande chance adversária, após cobrança de falta, Derlan subiu mais que a defesa e desviou a gol, obrigando uma grande defesa de Brenno. 

O Grêmio voltou a campo com a mesma formação para a etapa final, que seguiu mais equilibrada, tanto que uma das primeiras chances do Tricolor surgiu aos 10’, quando Guilherme trabalhou com Nicolas, que tentou avançar, mas a marcação cortou pela linha de fundo. 

Cinco minutos depois, os donos da casa chegaram com muito perigo com Person, que arriscou da intermediária e fez Brenno voar para outra grande defesa, espalmando a escanteio. 

Leia Também:  Brasil vence Argentina e avança às semifinais do Mundial de Futebol PC

O técnico Roger Machado então providenciou suas duas primeiras mudanças na equipe, com Elkeson e Janderson, nos lugares de Diego Souza e Campaz, aos 17’. 

O jogo seguiu mais disputado e por vezes, o Guarani chegou com perigo. Passados 25’, houve uma sequência de escanteios, mas a defesa gremista afastou. Devido a um choque com o atacante adversário, Nicolas saiu, para a entrada de Diogo Barbosa. 

O segundo gol gremista saiu aos 30’, quando Elkeson recebeu, protegeu e acionou Guilherme que deu um lindo passe para Biel dentro da área. O atacante finalizou, mandando para o fundo das redes e ampliando a contagem.  

Mais duas mudanças no Tricolor: Thaciano e Thiago Santos ocuparam os lugares de Guilherme e Lucas Leiva, aos 32’. 

Na reta final, o jogador Rodrigo, do Guarani, deu uma cabeçada em Biel, que caiu em campo, mas após análise do VAR, não houve cartão. Nos últimos segundos, após cobrança de escanteio, os paulistas descontaram com João Victor, que conseguiu subir bem e desviar para o gol. 

Com o resultado, o Grêmio soma três pontos e chega a 40, ocupando a segunda posição na tabela da competição logo após a partida. 

O próximo compromisso do Tricolor será na terça-feira, às 19h, na Arena, diante do Operário.

Fonte: Agência Esporte

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Esportes

Mengão vence Athletico-PR, com golaço de Pedro e garante vaga na semifinal da Copa do Brasil

Publicados

em

O Flamengo foi até a Arena da Baixada e venceu o Athletico-PR por 1 a 0 na noite desta quarta-feira (17,08) e avançou para as semifinais da Copa do Brasil.

O gol do Mengão foi marcado por Pedro, no início do segundo tempo. Agora, o Rubro-Negro aguarda seu adversário, que sairá do confronto entre São Paulo e América-MG.

O jogo

O Flamengo começou a partida tomando a iniciativa de ficar com a bola, trocando passes no campo ofensivo. Aos seis minutos, o Mais Querido criou a primeira boa oportunidade. Arrascaeta dominou na intermediária, limpou a jogada e bateu para o gol. A bola passou por cima do travessão.

O Athletico parava o jogo com muitas faltas, dificultando a saída de bola do Fla. Na reta final da primeira etapa, o time rubro-negro voltou a crescer na partida e ocupava o campo de ataque em busca de espaços na defesa paranaense. Aos 38’, Everton Ribeiro lançou Gabigol pela direita, o atacante cruzou na área e Arrascaeta cabeceou para fora.

Aos 41’, Arrascaeta ajeitou para Gabigol soltar a bomba de canhota. Bento espalmou para escanteio. O Flamengo foi melhor na etapa inicial, porém o placar não saiu do zero.

Leia Também:  Graças a gol contra, Corinthians vence a primeira na Libertadores

O segundo tempo começou com o mesmo panorama do primeiro: o Flamengo dominando as ações e o Athletico fechado atrás esperando para descer no contra-ataque. Aos 6’, Rodinei recebeu de Everton Ribeiro e bateu cruzado. Bento deu rebote para o meio da área e Fernandinho fez o corte.

De tanto insistir, o Mengão abriu o placar com um golaço! Rodinei foi na linha de fundo e cruzou na pequena área. Pedro apareceu livre para emendar uma linda bicicleta, sem chances para o goleiro: 0 a 1.

Após o gol, o Athletico passou a sair mais para o ataque, deixando o jogo mais aberto. Aos 29’, Pedro arrancou em velocidade, ficou cara a cara com o goleiro e rolou para Gabi, que chutou na trave. Ótima oportunidade desperdiçada.

Nos minutos finais, o Athletico pressionou em busca do empate, mas o Fla conseguiu se segurar e saiu de campo com a vitória e a classificação garantida para a semifinal.

Próximo compromisso

O Mais Querido volta a campo no domingo (21) para enfrentar o Palmeiras, às 16h, no Allianz Parque, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Leia Também:  Brasil vence Argentina e avança às semifinais do Mundial de Futebol PC

FICHA TÉCNICA: 

ATHLETICO-PR 0 x 1 FLAMENGO

Competição: Copa do Brasil – jogo de volta das quartas de final

Data e hora: 17 de agosto de 2022 (quarta-feira), às 21h30 (de Brasília)

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)

Árbitro: Raphael Claus (Fifa/SP)

Auxiliares: Danilo Ricardo Simon Manis e Neuza Ines Back (SP)

VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)

Cartões amarelos: Terans, Fernandinho, Hugo Moura (ATH); João Gomes (FLA) Gol: Pedro, aos 11 minutos do primeiro tempo (FLA)

ATHLETICO: Bento; Matheus Felipe (Cuello), Thiago Heleno e Pedro Henrique; Khellven, Erick, Hugo Moura (Vitor Bueno), Fernandinho e Abner; Terans (Vitinho) e Pablo (Canobbio). Técnico: Luiz Felipe Scolari

FLAMENGO: Santos, Rodinei, Fabrício Bruno, Léo Pereira e Filipe Luís; João Gomes, Vidal (Victor Hugo), Arrascaeta (Diego) e Everton Ribeiro (Pablo); Gabigol (Everton Cebolinha) e Pedro (Lázaro). Técnico: Dorival Júnior.

Fonte: Agência Esporte

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA