Cidades

Empresário e ONG oferecem R$ 3,2 mil como recompensa a quem apontar autor de matança de animais em MT

Publicados

em

Um empresário e uma ONG de proteção animal estão oferecendo R$ 3,2 mil para quem colaborar informações que levem a prisão do suspeito de envenenar animais em Alta Floresta, a 800 km de Cuiabá. As mortes começaram a ser registradas no dia 10 deste mês e até agora 29 cães e um gato foram encontrados mortos supostamente envenenados.

Nenhum suspeito foi identificado até agora. A Polícia Civil está investigando o caso e aguardando o resultado da perícia.

A ONG que também está acompanhando as investigações realizou uma campanha nas redes sociais e arrecadou R$ 1,2 mil com doações e vai usar esse dinheiro para recompensar quem ajudar nas buscas pelo suspeito.

Já o empresário Rodolfo Hoffmann, de 53 anos, decidiu aumentar o valor da recompensa e ofereceu mais R$ 2 mil por informações sobre o suspeito.

“A única voz que os animais têm somos nós. Devemos mobilizar a sociedade para conseguir tirar essa pessoa do nosso meio”, ressaltou.

As mortes foram registradas nos bairros Jardim das Flores, Jardim Guaraná, Setor industrial, Setor D e Jardim das Araras. Outras duas mortes foram registradas nessa terça-feira (29), na Avenida Mato Grosso, próximo ao Bairro Cidade Alta.

Leia Também:  Governador vistoriou rodovias na região de Diamantino e Tangará nesta quinta-feira

Rodolfo afirmou que ficou comovido com a história e que vai colaborar para a identificação do suspeito.

“Tenho animais em casa e vejo o quanto a minha filha os ama e o quanto ela fica triste e preocupada quando eles saem para rua. Depois dessas tragédias, fiquei imaginando a quantidade de crianças sofrendo pela perda dos seus animais. Isso me comoveu”, disse.

G1 MT

COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Cidades

Secretaria de Saúde lamenta falecimento de ex-secretário

Publicados

em


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) manifesta pesar pelo falecimento do ex-secretário estadual de Saúde e presidente da Câmara Municipal de Nova Mutum, o vereador João Batista Pereira da Silva, de 53 anos, que dedicou parte de sua vida à Saúde Pública de Mato Grosso.

João Batista foi secretário estadual entre os anos de 2016 e 2017 e também exerceu a função de secretário municipal de Saúde de Nova Mutum por muitos anos.

O óbito ocorreu na noite de sexta-feira (16.04), após complicações ocasionadas pela Covid-19.

Neste momento difícil, o secretário de Estado Gilberto Figueiredo, todos os colaboradores da SES, bem como a administração pública estadual expressam os sentimentos de pesar aos familiares e amigos do vereador e manifesta gratidão pelo tempo de dedicação à Saúde Pública do Estado.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Pescadores e isqueiros recebem atendimento de saúde gratuito durante a piracema em MT
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA