Destaque

Jovem é raptado pelo ex-sogro e obrigado a se casar sob mira de arma em Nova Mutum/MT

Publicados

em


Um jovem de 18 anos foi sequestrado pelo ex-sogro e levado para uma fazenda, onde estava sendo obrigado a se casar com a filha do homem, na zona rural de Nova Mutum. O sequestrador, de 46 anos, foi preso em flagrante em posse de diversas armas de fogo.

A Polícia Civil foi acionada por volta das 16h de sexta-feira (10), sobre o sequestro. A informação era que o jovem foi levado à força e sob ameaça de morte para uma propriedade, onde estava sendo obrigado a se casar com a ex-namorada.

Diante da denúncia, os investigadores foram até o local indicado e foram recebidos pelo casal de proprietários e o jovem.

Para os policiais, o rapaz disse que foi ameaçado pelo ex-sogro e que estava sendo obrigado a ficar na fazenda.O homem confessou que tinha armas na casa, entregou três espingardas calibre 22 e munições. Ele foi encaminhado para a delegacia e autuado em flagrante

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Hilux roubada em Diamantino é encontrada em galpão em VG
Propaganda

Destaque

Jovem flagrada agredindo e sufocando filho de cinco meses em hospital é solta ao pagar fiança

Publicados

em

Por

A jovem agredia, gritava e sufocava o filho de cinco meses internado na UTI

Uma jovem de 20 anos, foi presa na manhã desta quarta-feira (08.06), no município de Colíder (a 631 km de Cuiabá), acusada de agredir e sufocar o próprio bebê de cinco meses.

Conforme a Polícia Civil, a equipe médica do Hospital Regional da cidade acionou a delegacia no final da tarde de ontem (07), informando que havia uma criança internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para tratamento de pneumonia que estaria sendo agredida pela mãe.

Com base na denúncia, os policiais foram até o local. Ao perceber a presença dos investigadores, a suspeita se trancou no banheiro, onde ficou por cerca de 40 minutos.

Segundo informações, a mulher gritava, desferia tapas e tentava sufocar o bebê. A equipe da assistência social e enfermeiras plantonistas do hospital, além de outras testemunhas, confirmaram os fatos ocorridos. As agressões também foram presenciadas por outras mães que acompanhavam os respectivos filhos internados na pediatria.

Diante do flagrante, a mulher foi encaminhada à delegacia, interrogada e autuada em flagrante delito. Após os procedimentos, a suspeita efetuou o pagamento da fiança e responderá ao inquérito em liberdade.

Leia Também:  Estudo com 96 mil pacientes não encontra benefício de uso de cloroquina contra Covid-19 e detecta risco de arritmia cardíaca

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA