Saúde

Rio de Janeiro planeja distribuir vacinas a todos os municípios hoje

Publicados

em


O governo do estado do Rio de Janeiro pretende distribuir ainda hoje (19) doses da vacina CoronaVac a todos os 92 municípios fluminenses. O trabalho começou às 6h da manhã, e, por volta de 11h, 68 cidades já tinham recebido as doses.

Para garantir a chegada do imunizante em todo o estado, o transporte é feito por vans, caminhões e helicópteros da Polícia Militar, da Polícia Civil e do Corpo de Bombeiros. Segundo balanço do governo do estado, 33 cidades receberam as doses por terra e 35 via transporte aéreo.

O estado do Rio de Janeiro recebeu ontem (18) 487.520 doses vindas do Instituto Butantan, em São Paulo, responsável pela produção do imunizante do laboratório Sinovac no Brasil. Como o esquema de vacinação prevê duas doses por pessoa, essa primeira remessa deve imunizar cerca de 232 mil pessoas, segundo previsão do governo estadual. 

As primeiras pessoas imunizadas no Rio de Janeiro foram a técnica de enfermagem Dulcinea da Silva Lopes, 59 anos, que trabalha no Hospital Ronaldo Gazola, e a idosa Teresinha da Conceição, 80 anos, moradora do Abrigo Cristo Redentor. Ambas receberam as doses em uma cerimônia aos pés do Cristo Redentor, no fim da tarde de ontem (18).

Leia Também:  AM: restrição na circulação de pessoas será de 24 horas

Com a primeira remessa de vacinas, o estado pretende vacinar 34% dos trabalhadores da saúde, o que equivale a cerca de 220.495 pessoas. Também serão vacinadas 10.892 pessoas com mais de 60 anos que vivem em instituições de longa permanência, 783 pessoas com deficiência que vivem em abrigos e 351 indígenas aldeados.

Edição: Fernando Fraga

Fonte: EBC Saúde

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Saúde

Saúde compra 20 milhões de doses da vacina indiana Covaxin

Publicados

em


O Ministério da Saúde assinou nesta quinta-feira (25) contrato para compra de 20 milhões de doses da vacina Covaxin da Precisa Medicamentos/Bharat Biotech. O investimento total foi de R$ 1,614 bilhão na compra da vacina produzida na Índia.

Para agilizar o processo de compra de novas doses de vacinas, o Ministério da Saúde dispensou o uso de licitação para a compra dos imunizantes. A iniciativa é uma exigência amparada pela MP 1.026/21, que facilita a compra de vacinas. ()

Segundo a pasta, as primeiras 8 milhões de doses do imunizante devem começar a chegar em março, em dois lotes de 4 milhões a serem entregues entre 20 e 30 dias após a assinatura do contrato.

Em abril, o governo federal espera receber mais 8 milhões de doses de imunizantes importados da Índia, no prazo de 45 e 60 dias após a oficialização da compra. Em maio, é esperado o último lote de doses, com 4 milhões de unidades.

Balanço

Ao todo, foram distribuídas mais 3,2 milhões de doses de vacinas contra a covid-19 em todo país. Estados e Distrito Federal estão recebendo as 2 milhões de doses da vacina da AstraZeneca/Oxford, importadas da Índia, e 1,2 milhão de doses do imunizante do Instituto Butantan.

Leia Também:  Assessor de imprensa “fura fila” e publica foto tomando vacina da covid-19

Com esse novo lote, foram distribuídos mais de 15 milhões de doses de vacinas contra a covid-19 desde o dia 18 de janeiro, início da campanha de vacinação. Até julho, a pasta prevê o envio de mais de 200 milhões de doses, vacinando, assim, metade da população brasileira.

Edição: Fábio Massalli

Fonte: EBC Saúde

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA