DIAMANTINO

Política

Presidente da comissão de educação da AL diz que não há condições sanitárias para o retorno às aulas em MT

Publicados

em


O presidente da Comissão de Educação, Ciência, Tecnologia, Cultura e Desporto da Assembleia Legislativa, deputado estadual Valdir Barranco (PT), disse à imprensa, que não vê condições de retomada das aulas presencias no estado antes da vacinação contra a covid-19, como prevê o governo do estado para o dia 8 de fevereiro.

Barranco afirmou que a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) deveria ter feito um controle efetivo da curva epidemiológica em todos os municípios para garantir segurança sanitária e o retorno das aulas naqueles onde “não houve avanço efetivo da doença”.

“Se eles tivessem feito isto, as aulas já poderiam ter retornado em algumas cidades. Mas o trabalho não foi feito. Hoje, não há mente sã que possa conceber aulas presenciais, de forma geral, enquanto não tivermos a vacina”, explicou.

O parlamentar lembrou que o país está longe do início da vacinação em massa contra a covid-19. Segundo ele, a Índia, país que deveria entregar as primeiras doses do imunizante ao Brasil, proibiu, em 5 de janeiro, a comercialização do produto.

Leia Também:  Presidente de associação diz que criação de juiz de garantias 'gera preocupação' entre procuradores

“São eles que produzem os lotes da AstraZeneca que viriam pra o Brasil. Portanto, enquanto não tivermos as duas doses da vacina disponíveis aos brasileiros não temos com ter aulas 100% presenciais, tampouco de forma híbrida com alguns alunos em sala de aula e outros com participação remota.” “Cabe ao governador Mauro Mendes, através da Secretaria de Saúde, buscar um contrato com os laboratórios produtores da vacina para que possamos tê-la, já que nacionalmente não a teremos tão cedo, porque o presidente Bolsonaro nos nega a vacina, a compra do imunizante pelo estado. Só assim teremos segurança sanitária para o retorno às aulas em todo o estado”, concluiu o parlamentar.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Política

Deputado Claudinei destinará emenda para a Secretaria de Esporte e Lazer de Rondonópolis

Publicados

em


Projetos foram apresentados ao deputado Delegado Claudinei (PSL)

Foto: SAMANTHA DOS ANJOS FARIAS

A secretária municipal de Esporte e Lazer de Rondonópolis, Roseane do Prado, se reuniu com o deputado estadual Delegado Claudinei (PSL), na última quinta-feira (14), para apresentar os projetos desenvolvidos. Na oportunidade, ela entregou ofício ao parlamentar com a solicitação de emenda parlamentar para a aquisição de ônibus climatizado com 40 lugares para atender o público dos projetos denominados de Acqua, Saúde e Hidroginástica, Seleção Municipal Juvenil e Seleção Municipal Aberto.

Prado explicou que o veículo atenderá o público que necessita de condução para os locais que ocorrem a prática das atividades dos projetos, como também vai contribuir no transporte dos atletas em campeonatos regionais. “Na realidade é para atender os projetos, que temos muito, sendo que será apenas um ônibus e vamos utilizar da melhor forma possível. Aproveitar o máximo”, salienta.

Ela destaca que o projeto Acqua, Saúde e Hidroginástica é o coração da secretaria municipal, pois há um trabalho direcionado ao público de diabéticos, obesos, hipertensos e idosos. “Funciona de segunda a sexta em diversos setores do município. Por exemplo, temos que sempre renovar as parcerias. Ano passado, antes da pandemia, tivemos parcerias com a Escola André Maggi, Vila Olímpica, Secretarias Municipais de Saúde e Educação. O ônibus passava nos PSFs (Postos de Saúde da Família) para pegar os pacientes e nos Cras (Centro de Referência de Assistência Social) para que pudessem praticar o esporte e fazer a aula”, detalha.

A secretária acrescenta que são atendidos 600 idosos no projeto. “Essa é a ideia do nosso projeto, dar este conforto e segurança para que os pacientes não desistam do que estamos provendo. O prefeito (Zé Carlos do Pátio) tem muito cuidado com este grupo da terceira idade. Nós queremos retornar com as seleções do juvenil e adulto, que precisam participar dos jogos regionais. Por causa da pandemia foi interrompido”, comenta.

 Ônibus – Roseane conta que o valor estimado do ônibus é de cerca de R$ 650 mil. “Avalio que é possível contribuir com a emenda parlamentar para aquisição deste veículo que vai atender este público da Secretaria de Esportes. Mas, o que está ao meu alcance seria o valor parcial. Vamos ver se o prefeito firma parceria para conseguirmos ter o recurso total e, assim, concretizar este importante benefício”, explica Claudinei.

 “A expectativa é boa para conquistar o ônibus. Ao saber do empenho do deputado em ajudar no esporte, depositei mais esperanças. Vou agarrar nesta esperança para ver se ganhamos este veículo”, conta, otimista, a secretária, que já informou que vai cadastrar todos os projetos e deixar tudo pronto para conseguirem essa verba para a aquisição do transporte.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Presidente de associação diz que criação de juiz de garantias 'gera preocupação' entre procuradores
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA