Polícia

Polícia Civil prende irmão e sobrinho de vítima apontados como autores de homicídio em Colíder

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

O homicídio ocorrido na madrugada de segunda-feira (01.03) no município de Colíder (650 km ao norte de Cuiabá) foi esclarecido pela Polícia Civil, nesta quinta-feira (04.03), com a prisão do irmão e sobrinho da vítima, apontados como autores do crime.

Os suspeitos identificados desde o dia do crime, já estavam com os mandados de prisão temporária decretados quando se apresentaram na delegacia para prestar esclarecimentos.

O crime que vitimou, Roberto Barbosa da Silva, de 45, ocorreu em na residência da vítima, no bairro Nossa Senhora da Guia, em Colíder. Na ocasião, a vítima foi atingida por vários golpes de faca na região do tórax, não resistindo aos ferimentos e morrendo no local.

Logo após o fato, as equipes da Polícia Civil e Polícia Militar foram acionadas dando início as diligências para apurar a autoria do crime.

Segundo as investigações, os irmãos (suspeito e vítima) passaram o dia ingerindo bebida alcoólica, quando por volta das 19 horas tiveram um desentendimento, ocasião em que entraram em vias de fato e em seguida juraram de morte um ao outro.

Leia Também:  Ex-marido é detido suspeito de sequestrar mulher e mantê-la em cárcere por 3 dias em MT

O suspeito foi embora para casa e pouco depois retornou a casa do irmão, desta vez na companhia do seu filho (segundo envolvido), momento em que teriam matado a vítima com golpes de faca.

Com base nas investigações, a delegada de Colíder Paula Gomes Araújo representou pelos mandados de prisão temporária contra os dois suspeitos, na terça-feira (02.03). As ordens judiciais foram decretados pela Justiça nesta quinta-feira (04.03) e devidamente cumprida no momento em que os dois envolvidos se apresentaram na delegacia na presença do advogado.

“O trabalho rápido da Polícia e do Poder Judiciário foi fundamental, uma vez que os suspeitos se apresentaram na delegacia, na presença do advogado, acreditando que ainda não havia mandado de prisão expedido contra eles.”, disse a delegada.

Durante o interrogatório, eles optaram por permanecer em silêncio. As diligências continuam para conclusão do inquérito.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Polícia

Ação conjunta apreende drogas, arma e pescado irregular em Nova Xavantina

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Uma ação conjunta realizada pela Polícia Civil e Polícia Militar de Nova Xavantina, na sexta-feira (16.04), com objetivo de combater o tráfico de drogas no município, resultou  em três pessoas presas em flagrante e na apreensão de armas, drogas e pescado irregular.

Durante investigações do tráfico de drogas na cidade, as equipes policiais realizavam diligências para localizar um suspeito que utiliza o seu veículo para o transporte de entorpecentes e abastecimento de bocas de fumo na cidade.

Com informações de que o investigado estaria em um ponto específico de venda de drogas na cidade, os policiais foram até o local, conseguindo realizar a abordagem do suspeito, que de imediato foi flagrado com porções de entorpecentes no interior do veículo.

Em continuidade as diligências, os policiais realizaram o adestramento na boca de fumo, onde localizaram porções de maconha e de pasta base de cocaína, um revólver calibre 38, 29 munições, sendo 11 calibre 38 e 18 calibre 22, além de pescado irregular e vários apetrechos de pesca ilegal, como redes e espinhel.

Leia Também:  Peritos de Mato Grosso participam de operação nacional de combate a pirataria

Diante dos fatos, três pessoas foram conduzidas à Delegacia de Nova Xavantina e após serem interrogadas foram autuadas em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico, posse ilegal de arma de fogo e munições e crime ambiental.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA