Polícia

Identificado por furto a clínica médica durante a madrugada é preso em flagrante pela Polícia Civil

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

 

Um rapaz de 21 anos foi preso em flagrante por furto qualificado, na tarde esta terça-feira (02.03), pela equipe da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Cuiabá (DERF). Ele é suspeito pelo furto cometido contra uma clínica oftalmológica localizada no bairro Duque de Caxias, na Capital.

Durante a madrugada desta terça-feira, duas pessoas danificaram portas e janelas e invadiram a clínica, de onde furtaram aparelhos celulares, um televisor de 42 polegadas e um notebook.

A partir da comunicação da ocorrência, as equipes da DERF iniciaram diligências para identificar e localizar os suspeitos e recuperar os objetos furtados.

O delegado da DERF, Guilherme de Carvalho Bertoli, explicou que com base em registros e imagens foi possível chegar à identificação de um deles, M.D.S.P., recorrente na prática de delitos patrimoniais. Em diligências, os policiais da DERF conseguiram localizar o suspeito no bairro Jardim Independência e ao avistar as equipes, ele tentou fugir, mas foi detido.

Após ser questionado sobre o motivo da fuga, ele confessou o furto e informou que havia em sua dois dos aparelhos celulares levados da clínica e os demais eletroeletrônicos estavam no terreno de uma casa, em Várzea Grande.

Leia Também:  Mulher, sobrinho e comparsa são presos por tráfico em bairro na região da Vila Salmen

Em interrogatório na Derf, o suspeito declarou que o crime foi cometido em companhia de um comparsa, dono do carro em que chegaram à clínica. Segundo ele, ambos estava trafegando pelo bairro Duque de Caxias, quando avistaram a clínica e ‘acharam’ fácil furtar o local. Ainda segundo o suspeito, ambos estacionaram o carro próximo à entrada da clínica, arrancaram uma janela e depois arrombaram uma das portas para entrar e começaram a procurar objetos de valor. Ele informou que dois três celulares levados, dois ficaram com ele para posterior revenda e os demais objetos com o comparsa.

Bertoli informou que as diligências continuam para identificar o comparsa do suspeito preso e localizar os outros produtos furtados. A delegacia encaminhou comunicação sobre a prisão ao Poder Judiciário, com representação da conversão do flagrante em prisão preventiva.

Após os procedimentos policiais e autuação em flagrante, o suspeito será apresentado em audiência de custódia no Fórum da Capital. 

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Polícia

Ação conjunta apreende drogas, arma e pescado irregular em Nova Xavantina

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Uma ação conjunta realizada pela Polícia Civil e Polícia Militar de Nova Xavantina, na sexta-feira (16.04), com objetivo de combater o tráfico de drogas no município, resultou  em três pessoas presas em flagrante e na apreensão de armas, drogas e pescado irregular.

Durante investigações do tráfico de drogas na cidade, as equipes policiais realizavam diligências para localizar um suspeito que utiliza o seu veículo para o transporte de entorpecentes e abastecimento de bocas de fumo na cidade.

Com informações de que o investigado estaria em um ponto específico de venda de drogas na cidade, os policiais foram até o local, conseguindo realizar a abordagem do suspeito, que de imediato foi flagrado com porções de entorpecentes no interior do veículo.

Em continuidade as diligências, os policiais realizaram o adestramento na boca de fumo, onde localizaram porções de maconha e de pasta base de cocaína, um revólver calibre 38, 29 munições, sendo 11 calibre 38 e 18 calibre 22, além de pescado irregular e vários apetrechos de pesca ilegal, como redes e espinhel.

Leia Também:  Durante detenção por desacato suspeito manda Pit Bull atacar PMs em Matupá; militares ficaram feridos

Diante dos fatos, três pessoas foram conduzidas à Delegacia de Nova Xavantina e após serem interrogadas foram autuadas em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico, posse ilegal de arma de fogo e munições e crime ambiental.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA