Polícia

Homem é preso pela Polícia Civil após estupro cometido contra filha de seis anos

Publicados

em


Assessoria | Polícia Civil-MT

Um pai investigado pelo estupro cometido contra sua filha de seis anos foi preso pela Polícia Civil, na manhã desta quarta-feira (22.09), no município de Novo São Joaquim (485 km a leste de Cuiabá).

O suspeito de 53 anos teve a ordem de prisão temporária decretada pela Justiça, após investigação da Delegacia de Novo São Joaquim para apurar o crime.

No dia 15 de setembro, a mãe da vítima procurou a Polícia Civil e informou que está separada do ex-marido e ele pediu para passar uns dias com a filha, em uma propriedade rural onde estava trabalhando.

No dia 14 de setembro, a mãe foi buscar a filha e, ao retornarem para casa, a criança contou que estava com assadura. A mulher comprou uma pomada e quando foi passar o medicamento percebeu que havia algo errado. Ela perguntou o que havia acontecido, mas a menina relutou em contar por medo, pois o pai ameaçou a criança dizendo que bateria nela caso contasse para alguém. No entanto, a mãe insistiu e a menina acabou revelando o estupro.

Leia Também:  Ex-policial condenado a mais de 160 anos pela morte de dono de jornal e outros assassinatos tenta fugir de presídio em MT

Diante das graves informações, a Delegacia de Novo São Joaquim abriu uma investigação para esclarecer os fatos. A vítima foi encaminhada para exame de corpo delito, ouvida em depoimento especial e passou por atendimento com a equipe multiprofissional da Delegacia de Defesa da Mulher de Barra do Garças.

Com base nos indícios e evidências de crime, o delegado Pablo Rigo Borges representou pela prisão temporária do investigado, decretada pelo Poder Judiciário com manifestação do Ministério Público Estadual.

Após tomar conhecimento da investigação e temendo por ser preso, o suspeito fugiu. Porém, com o mandado de prisão expedido, os policiais civis realizaram diligências até localizá-lo na manhã desta terça-feira (22).

O homem foi conduzido até a delegacia, interrogado e, posteriormente, será encaminhado para a Penitenciária Major Zuzi Alves da Silva, em Água Boa, ficando à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Polícia

Polícia pode pedir apoio de cães farejadores para achar jovem desaparecido no Nortão

Publicados

em

Foto: Divulgação

Foram interrompidas as buscas aos corpo de Josivan Maicon. Morador de Carlinda, ele estava em Alta Floresta quando desapareceu no dia 8 e seguindo informações obtidas pela própria família e a Divisão de Homicídios, a Polícia Civil durante todo o dia de sexta-feira tentou encontrar com ajuda de militares do Corpo de Bombeiros, o local onde foi passada a informação que teriam matado e deixado o rapaz. Mas sem êxito.

O delegado Vinícius Nazário, que apura o caso, disse que a Polícia Civil contou com apoio de militares especialistas em buscas de pessoas desparecidas e que a Divisão de Homicídio ainda fez uma verdadeira varredura em uma região de mata na vicinal Céu Azul onde havia informação de que o corpo estaria. “Mas não foi encontrado qualquer vestígio em todos os supostos lugares que foi falado ou ventilado que estaria o corpo”, contou o delegado salientando que poderá ser usado o trabalho de cães farejadores para seguir novas buscas.

Só que o delegado de Alta Floresta, ao informar que novas testemunhas serão ouvidas, comentou trabalhar em outras linhas de investigações, até mesmo com possibilidade do jovem não ter sido morto, considerando até o momento não haver evidência oficial de que ele foi assassinado.

Leia Também:  Diamantino: Arma de pressão é apreendida por matar animais silvestres

 

 

Fonte: Nativa News
COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA