Home Polícia Policia Civil incentiva o uso da Delegacia Virtual em Mato Grosso

Policia Civil incentiva o uso da Delegacia Virtual em Mato Grosso

0

Pelo site é possível registrar extravio e furto, ameaças, exercício ilegal da profissão, constrangimento ilegal, violação de domicílio, desaparecimento de pessoas, calúnia, difamação e injúria

A Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso tem tomado todas as medidas para evitar a propagação do coronavírus entre seus servidores e dependentes, bem como para proteger a população mato-grossense. Entre as ações desenvolvidas pela Diretoria Geral da PJC está orientação à população quanto a dispersão de espaços públicos como bares, restaurantes e praças seguindo a determinação do Governo do Estado e da prefeitura de Cuiabá. O objetivo é lembrar os cidadãos de que neste momento suas casas são os locais mais seguros contra o coronavírus.

Todas as ações tem sido apoiadas pelo Sindicato dos Investigadores de Polícia do Estado de Mato Grosso (Sinpol-MT) com participação efetiva da  diretoria sindical.

“No último final de semana, acompanhamos a Delegacia do Consumidor (DECOM) em rondas por estabelecimentos comerciais orientando a população para a necessidade de confinamento para reduzir ao máximo o risco de contágio do Covid-19. Além disso, orientamos comerciantes a praticarem apenas o serviço delivery para comercialização de seus produtos, conforme decreto municipal”, explicou Edleusa Mesquita, presidente do Sinpol-MT.

Edleusa lembrou que “desde a última semana, investigadores de polícia estão visitando delegacias distribuindo kits com álcool gel, luvas e máscaras para os policiais em serviço.” “Já que o Governo não tem feito sua parte, estamos cuidando da saúde dos nossos policiais; sindicalizados ou não.”

A Polícia Civil também está incentivando o uso da Delegacia Virtual, já que através da internet todos os cidadãos podem fazer registro de ocorrências sem a necessidade de comparecer às delegacias físicas evitando o contato com outras pessoas e ambientes possivelmente infectados pelo coronavírus.”

“No site da Delegacia Virtual o cidadão pode registrar extravio e furto, ameaças, exercício ilegal da profissão, constrangimento ilegal, violação de domicílio, furto de celulares, desaparecimento de pessoas, calúnia, difamação, injúria, entre outros serviços. Assim, protegido em casa, qualquer pessoa tem acesso aos serviços da Polícia Judiciária Civil”, explicou Edleusa.

“Queremos lembrar que o cidadão também pode fazer o pré-registro de outras ocorrências pelo site, como estelionato e acidente de trânsito sem vítima fatal. Após concluir o pré-registro, basta anotar o protocolo e fazer a pré-validação da ocorrência via telefone: (65) 3901-4834 / 98563-3009 / 98463-3698. Feito isso, o declarante receberá, via e-mail, seu Boletim de Ocorrência validado”, concluiu a presidente.

As ocorrências que requerem laudos periciais ou isolamento da cena do crime, como arrombamento, estupro, assassinato, espancamento e pone, têm prazos curtos para atuação efetiva da polícia, por isso a comunicação virtual deve ser imediata.

Na última segunda-feira (23), o sindicato baixou Portaria (001/presidência/sinpol-mt/2020) suspendendo pelo prazo de 15 dias a prática de esportes e eventos (confraternização ou reunião) em suas dependências, além do serviço de transporte de sindicalizados e de hotel de trânsito; salvo em caso de hospedes que estejam realizando quimioterapia na Capital. O expediente da sede e subsedes também está suspenso.

Agora MT

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe sua resposta