Nacional

Filho mata pai com golpes de faca para defender mãe de agressão em Minas Gerais

Publicados

em


source
Crime aconteceu em Montes Claros
Prefeitura de Montes Claros/Divulgação

Crime aconteceu em Montes Claros

Na madrugada desta terça-feira (19), no bairro Cintra em Montes Claros, no Norte de Minas Gerais , um adolescente de 13 anos matou o pai a facadas para proteger sua mãe de agressões causadas pelo falecido. As informações foram apuradas pelo O Tempo. 

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar , o homem, de 44 anos, saí por volta das 19h para consumir bebidas alcoólicas e só retornou para sua residência quase 1h da manhã, alcoolizado. Ao chegar em casa, ele não conseguia estacionar o seu automóvel da maneira correta e foi advertido pela sua esposa. 

O suspeito então, reagiu com descontrole e começou a desferir ofensas a sua esposa, partindo para agressões físicas com chutes e um tapa. O filho do casal testemunhou o ato e se dirigiu a cozinha e para defender a mãe, pegou uma faca. O pai em seguida, partiu para cima do adolescente e disse: “quero ver se você é mais homem do que eu”. 

O homem teria agredido o filho com um soco e foi revidado com três facadas no peito. O adolescente logo após o ato, ligou para o Corpo de Bombeiros e o atendimento foi feito, porém, o homem acabou morrendo no local. O menino foi apreendido pela Polícia Civil e indiciado em flagrante por ato infracional análogo a homicídio .

A mãe e filho contaram que sofriam constantemente com abusos do falecido. O filho será apresentado no Ministério Público de Minas Gerais ( MPMG ) para decidir sobre sua detenção e tempo a ser cumprido. “A Polícia Civil irá realizar diligências para verificar o histórico de agressão da vítima em relação à família, bem como a vida pregressa do menor antes do crime”. 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Nacional

Carro de deputado Márcio Gualberto é alvo de disparos

Publicados

em


source
Carro do parlamentar é blindado e nenhum dos ocupantes se feriu
Divulgação/Alerj

Carro do parlamentar é blindado e nenhum dos ocupantes se feriu


O carro onde estavam o deputado estadual Márcio Gualberto (PSL) , o chefe de gabinete, Jean García, uma assessora e um segurança, foi alvo de disparos, na noite desta terça-feira (2). Os ocupantes do veículo haviam saído da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) e seguiam pela Avenida Brasil , na altura de Guadalupe, na Zona Norte, quando, ao pegar uma rua paralela, foram atingidos. 

“Seguimos por ali porque o trânsito estava mais tranquilo. [Foi] Quando um homem entrou na frente do carro, uns 30 metros. Estava empunhando a arma. Demos ré e ele começou a atirar. A gente continuou a dar ré. O segurança abriu um vidro e atirou”, contou o chefe de gabinete ao G1.

Segundo García, a arma do criminoso caiu no chão, enquanto  as vítimas tentavam fugir do local. Ainda de acordo com ele, o homem entrou em um carro e deixou o local. Por volta das 22h, eles estiveram na 30ª (Marechal Hermes) para registrar o caso. Procurada, a Polícia Civil ainda não se manifestou. O carro do parlamentar, que é policial civil, é blindado. Não houve feridos.


COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA