Nacional

Eleições 2022: João Doria se encontra com FHC para discutir prévias do PSDB

Publicados

em


source
 FHC manifesta apoio às prévias do PSDB após encontro com Doria
Reprodução

FHC manifesta apoio às prévias do PSDB após encontro com Doria

Após se reunir com o ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva (PT) e dividir opiniões no PSDB,  Fernando Henrique Cardoso se encontrou na tarde desta segunda-feira (24) com o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), para discutir as prévias da sigla tucana para as eleições presidenciais de 2022. As informações são da jornalista Camila Mattoso.

Segundo fontes próximas aos tucanos, Fernando Henrique concordou com a opinião de João Doria em relação aas prévias do PSDB para definir quem será o candidato do partido para a corrida ao Palácio do Planalto.

Para o governador do estado mais rico do Brasil, a votação deverá ocorrer no mês de outubro e todos os filiados da sigla devem possuir o mesmo peso na votação, sem qualquer distinção.

A indicação de que um encontro entre Doria e FHC era necessário ocorreu após o ‘racha’ que o encontro de Fernando Henrique e Lula deixou no partido. Lídere partidarios argumentaram que o almoço dos ex-presidentes ‘joga um balde de água fria’ em uma possível terceira via.


O presidente nacional do PSDB , Bruno Araújo, reprovou o encontro entre o tucano e o petista e chegou a dar um ‘puxão de orelha’ em Fernando Henrique Cardoso. Segundo o ex-deputado, “esse encontro ajuda a derrotar Bolsonaro, mas não faz bem a um potencial candidato do PSDB.”

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Nacional

BA: afetados pela chuva protestam contra ‘falta de ação’ da prefeitura

Publicados

em


source
Manifestação em Ilhéus, Bahia
Reprodução

Manifestação em Ilhéus, Bahia

Desabrigados pelas chuvas de dezembro e janeiro, moradores do bairro de Salobrinho, em Ilhéus, fecharam o trecho de uma rodovia em protesto contra a prefeitura do município. Eles criticam a falta de ação da prefeitura em tomar providências que permita o retorno a suas residências, destruídas pelas enchentes.

— Eles querem que as pessoas voltem para casa. Como as pessoas vão retornar para suas casas sem colchão, sem nada? Como vai recomeçar uma vida sem nada? — disse Maurício Santos, que viu sua casa desmoronar a cerca de um mês.

Santos é pedreiro e teve de deixar sua casa com a mulher e a filha. Eles passaram as últimas semanas abrigados na Universidade Estadual de Santa Cruz. Outras famílias ficaram alojadas em escolas municipais próximas a Salobrinho.

— A Defesa Civil foi várias vezes ao meu terreno e até agora nada, nenhuma solução. Algumas famílias precisam apenas de alguns moveis para retornar, e a prefeitura ficou de dar esses bens — conta Maurício Santos.

A manifestação começou por volta das 8h da manhã desta segunda-feira e durou até as 11h, quando a imprensa chegou ao local. Os manifestantes fecharam um trecho da rodovia Ilhéus-Itabuna ateando fogo em pedaços de madeira. Segundo Maurício Santos, um representante da Secretaria Municipal de Assistência Social foi ao protesto e prometeu que a prefeitura irá tomar providências.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA