Esportes

Vitoria ganha pela rodada da serie B

Publicados

em


Organização + União. Essa combinação foi perfeita no jogo desta terça-feira, quando o Vitória bateu o Sampaio Corrêa, por 1 a 0, em São Luís, e voltou a vencer no Brasileiro. Na entrevista pós-jogo, ainda no Estádio Castelão, o treinador rubro-negro Wagner Lopes fez questão de destacar o empenho dos guerreiros.

“Acho que a organização e a união dos jogadores fizeram uma diferença enorme. Jogamos no sábado, viajamos no domingo, chegamos na segunda, um calor muito grande, jogadores tiveram muita superação. Jogadores tiveram uma boa comunicação dentro de campo, foram muito organizados, tivemos muito mérito nessa vitória. Ressaltar que a nossa união vai nos tirar dessa situação de rebaixamento”, afirmou.

O Vitória nesse jogo contra o Sampaio Corrêa foi determinado taticamente e cumpriu o que o treinador vem pedindo faz tempo: truncar o jogo.

“A avaliação nossa é muito positiva. Nós defendemos em bloco baixo com muita agressividade, truncamos jogo na hora certa. A gente sabia que o Sampaio, muitas vezes, espeta os laterais ao mesmo tempo. A gente já tinha traçado a estratégia de que quando roubasse a bola fizesse as inversões e conseguisse atacar a última linha buscando profundidade. Fizemos gol, coisa que há seis jogos não estávamos conseguindo. Valorizar todos os jogadores, os que ficaram de fora, os que entraram, todo mundo lutando, incentivando. Cobrança interna muito grande. Agradecer aos jogadores e parabenizar porque hoje não só foi uma vitória merecida, mas principalmente volta a gente a encostar, a ficar mais próximo para sair da zona de rebaixamento, que é o nosso objetivo”, disse.

  América segue se preparando para o duelo contra o Vitória

Leia Também:  Vasco avança em negociação com banco para patrocínio máster

FOTOSAscom/ECV

VITÓRIA DA UNIÃO

COMENTE ABAIXO:

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Esportes

Palmeiras se reapresenta após vitória sobre o Internacional pelo Brasileiro

Publicados

em


O Palmeiras se reapresentou na manhã desta segunda-feira (18), na Academia de Futebol, depois de ter vencido o Internacional por 1 a 0, no domingo (17), no Allianz Parque, pelo Campeonato Brasileiro. O meio-campista Danilo iniciou o processo de transição física com o Núcleo de Saúde e Performance e foi a novidade do dia.

O camisa 28 foi desfalque contra América-MG, Red Bull Bragantino, Bahia e Internacional por canelite na perna direita e na perna esquerda. O atleta trabalhou no campo, inclusive com bola, e também na parte interna do centro de excelência. Além dele, Mayke, Gabriel Menino e Jorge cumpriram cronograma de tratamento de lesões.

Os titulares fizeram atividades regenerativas como botas pneumáticas, massagem e piscina de água quente, enquanto o restante, com o incremento de Crias do Sub-20, realizou um coletivo de dois tempos de 15 minutos no gramado. Na parte final, os jogadores, divididos por posições, aprimoraram construções de jogadas partindo do meio de campo, passando pelas laterais e culminado em finalizações dos atacantes dentro da área.

  Felipe Melo completa 100 ª vitória com a camiseta do Palmeiras

Leia Também:  Livre no mercado, Franco di Santo revela conversa com Lucas Pratto e chance de jogar no Brasil

Marcos Rocha voltou ao time no duelo com o Internacional (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

De volta ao time titular contra o Inter, o lateral-direito Marcos Rocha comentou sobre seu retorno após lesão muscular e a importância de o Verdão ter voltado a vencer no torneio nacional. “Estou feliz pela minha volta e por ter ajudado a equipe a ganhar novamente. Meu intuito é sempre ajudar o Palmeiras, seja me destacando individualmente seja em termos coletivos cumprindo as ordens do treinador. Aproveitar para agradecer ao Núcleo de Saúde e Performance pela minha rápida recuperação. Sobre o desempenho do time, acredito que a equipe produziu bastante, foram dois tempos bem consistentes, com a gente sempre sabendo o que fazer”, afirmou o lateral, que emendou a respeito da confiança readquirida.

“Quando vi a atmosfera do estádio, com o apoio do nosso torcedor, eu sabia que seria um jogo bom e que nossa equipe iria atuar bem. Agora é buscar algo a mais na competição, é ganhar ainda mais confiança e buscar fazer as coisas naturalmente como vínhamos fazendo. O importante ontem era vencer, independentemente do placar, para tirar o peso, e o nível que apresentamos precisa ser mantido também pensando na final da Libertadores”, concluiu.

  Palmeiras supera Atlético GO por 3 a 0 e sobe na tabela do Brasileirão

Leia Também:  Leões da Base encerram o ano: Sub-15 empata e Sub-17 goleia por 7 a 1

Desde 2018 no Palestra Italia, Marcos Rocha soma 174 partidas, sete gols e 21 assistências pelo clube, tendo conquistado os títulos de campeão brasileiro em 2018, paulista em 2020, da Copa do Brasil em 2020 e da CONMEBOL Libertadores em 2020. O camisa 2 é o terceiro colocado em assistências na história do Allianz Parque e o quarto em assistências do atual elenco, além de ser o quinto do atual elenco que mais atuou pelo Verdão.

O Maior Campeão do Brasil ocupa no momento o quarto posto do Brasileirão com 43 pontos. Na quarta (20), o compromisso será diante do Ceará, em Fortaleza, em confronto adiado da 19ª rodada.

Os jogadores Matheus Fernandes, Breno Lopes e o técnico Abel Ferreira (da esquerda para a direita) durante treinamento na Academia de Futebol (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)fonte: https://www.palmeiras.com.br/pt-br/noticias/danilo-realiza-transicao-fisica-em-reapresentacao-do-palmeiras-apos-vitoria-pelo-brasileiro/

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA