Esportes

Time e torcida dão show, e Inter goleia a Chapecoense por 5 a 2 no Beira-Rio

Publicados

em


OH INTERNACIONAL, QUE EU VIVO A EXALTAR! A torcida colorada, que esperou 581 dias para retornar às arquibancadas do Beira-Rio, sequer precisou aguardar um minuto, a partir do apito inicial deste domingo (10/10), para ver as redes do Gigante novamente balançadas. Em uma atuação maravilhosa, o Clube do Povo atropelou a Chapecoense, em partida da 25ª rodada do Brasileirão, pelo placar de 5 a 2. Taison, Cadorini e Yuri Alberto, este três vezes, anotaram os gols do confronto que marcou o retorno do público à casa alvirrubra.

Os três pontos conquistados neste domingo levam o Inter aos 36 no Brasileirão. Sétimo colocado, o Clube do Povo está a um ponto do Corinthians, primeira equipe do G6. Embalado pela força da única torcida capaz de recuar as águas de um rio, o Colorado agora volta suas atenções para a próxima quarta-feira (13/10), quando receberá o América-MG, no Beira-Rio, em partida da 26ª rodada do Brasileirão, marcada para as 21h30.


É O ROLO COMPRESSOR!

UMA ATUAÇÃO INESQUECÍVEL EM UMA MANHÃ MÁGICA! O Internacional deu show nos primeiros 45 minutos de seu reencontro com a Maior e Melhor Torcida do Rio Grande! Apoiado pelo povo que tomou as arquibancadas do Beira-Rio, o Colorado evocou, desde o apito inicial, as memórias do Rolo Compressor, insaciável por balançar as redes adversárias – o que não demorou para acontecer. Logo no instante de abertura do confronto, Yuri ficou com a sobra de milagre de João Paulo, em lance que ainda contara com bola de Mauricio na trave, para abrir a conta no número 891 da Padre Cacique.

O Inter tem um cara que é a cara do Clube que é do povo. Sem atuar para a torcida colorada desde o confronto que nos consagrou Bi da América, Taison merecia um gol. O que fez, porém, mais pareceu uma pintura. Na direita da grande área, o 10 recebeu grande cruzamento de Patrick, dominou ganhando ângulo e soltou a bomba. No limite da meta, ao lado do poste, a bola explodiu na rede. Com ela, o Beira-Rio foi junto. Maestro, nosso capitão regia a massa!

O segundo gol não satisfazia as ambições do Inter. Com espaço pela direita, o time de Aguirre seguiu levando perigo a partir das triangulações de Saravia e Mauricio, sempre acionados com precisão por Taison e Dourado. Yuri, intenso entre os zagueiros, não oferecia descanso à retaguarda adversária, que estonteada sobreviveu sem sofrer novos tentos até os 36, quando os artilheiros voltaram a brilhar.

Em velocidade, Taison costurou pelo centro e chegou às cercanias da área alviverde. Preciso, o 10 viu Yuri Alberto entre os zagueiros e serviu no instante exato. Artilheiro, o 11 girou com estilo antes de finalizar na saída do goleiro. Golaço, logo sucedido pelo quarto colorado, terceiro de Yuri, que concluiu jogada iniciada em drible estonteante de Moisés. Nos acréscimos, o atacante voltaria a balançar as redes, mas em lance anulado após consulta do árbitro ao VAR.


Goleada confirmada

O Inter retornou dos vestiários com novidades. Heitor, Boschilia e Cadorini, estreando com o grupo principal, foram alçados a campo por Aguirre, deixado o Clube do Povo mais simpático às bolas cruzadas. Na primeira que venceu por cima, aos sete, o atacante parou em João Paulo, que defendeu em dois tempos. Depois, contudo, não existiu o que ser feito. Da esquerda, Heitor cobrou escanteio fechado, que o camisa 18 testou com força para as redes. Clube do Povo? Cinco!

Confortável em campo, o Inter passou a administrar o folgado resultado, ao passo que a Chapecoense, visivelmente indignada com o amplo escore ostentado pelo Clube do Povo, se jogou para o ataque. A postura rendeu aos visitantes dois gols, anotados por Mike, mas insuficientes para impedir a consagração do reencontro de time e torcida. Nos braços de sua gente, o Colorado atropelava por 5 a 2.

  Coritiba perde de 2 a 1 para o Botafogo no Brasileirão

Leia Também:  Santos é o time com mais gols no futebol mundial, totalizando 12.691


Primeiro tempo

1min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOL, É GOL, É GOL, É GOOOOOOOOOOOOL DO INTEEEEER! No ritmo da torcida, que canta a plenos pulmões no Estádio, Colorado sai do campo de defesa pela direita. A zaga catarinense tenta a recuperação, mas Dourado domina na intermediária ofensiva e serve Saravia. Do lateral para Mauricio, que manda no poste. No rebote, Patrick exige milagre de João Paulo. Azarado, o goleiro vê Yuri pegar a sobra, e o camisa 11 não perdoa. A bola? Para as redes. O artilheiro? Para a galera!

Assim a Rádio Colorada narrou o primeiro gol do reencontro deste domingo

3min – DANIEEEEEEEEEL! Chapecoense chega com perigo pela esquerda. Bruno Silva domina na altura da quina da grande área, corta para o pé direito e busca o ângulo, mas goleiro colorado voa para defender.

5min – É DEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEELE! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É DO CARA QUE É A CARA DO CLUBE QUE É DO POVO! TAISON, TAISON, TAISON, TAISON, TAISON, TAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAISOOOOOOOOON! Camisa 10 arma contra-ataque em altíssima velocidade e abre jogo até Patrick. O Pantera invade a área e cruza aberto, na medida para o ídolo alvirrubro, que domina e, com enorme qualidade, manda na bochecha da rede. EXPLODE O BEIRA-RIO! É O INTER JUNTO DE SEU POVO!

O gol do cara que é a cara do Clube que é do Povo na voz mais colorada de todas!

11min – Muda o time visitante. Renê Júnior sai, Anderson Leite vem.

13min – BRUUUUUUUUUUNO MÉNDEZ! Chape chega pela direita com cruzamento rasteiro de Geuvânio. Antes de Bruno Silva, o zagueiro colorado trava o arremate e manda em escanteio.

15min – INTER CHEGA EM VELOCIDADE! Mauricio é lançado pela direita e cruza aberto. Patrick chegava livre na segunda trave, mas a bola, forte demais, passa fora de seu alcance.

16min – Daniel recebe o amarelo. Sabe-se lá qual o motivo.

17min – E VEM O INTER! Mauricio e Saravia tabelam pela direita. Servido pelo lateral, o meio-campista vai ao fundo e cruza rasteiro. Yuri finaliza, mas é travado por Jordan.

21min – PRA FOOOOOOOOOOORA! Dourado intercepta a construção ofensiva alviverde e a sobra é de Taison. Ídolo carrega em altíssima velocidade e, na intermediária de ataque, serve Mauricio, que invade a área e solta a bomba de direita. Quase, quase!

25min – UUUUUUUUUUUUUUUUUUH! Cuesta, à esquerda da meia-lua da grande área, cobra falta no canto do goleiro. João Paulo, com a ponta dos dedos, consegue desviar em escanteio. Quase o terceiro! Quase o do Patrón!

30min – Parada técnica para hidratação.

31min – Jogo retomado, e Inter segue mordendo. Dourado, com precisão, serve Mauricio, que invade a área em velocidade e finaliza cruzado. Rasteira, ela sai ao lado.

  Palmeiras não reage diante do Flamengo que brilha e conquista o 3º lugar na tabela

Leia Também:  Athletico se prepara para enfrentar o Flamengo na semifinal do Brasileirão Sub-20

33min – QUE PRESSÃO! Patrick recebe de Mauricio, avança pela esquerda e cruza com açúcar. Yuri, livre na direita da área, tenta servir Taison, mas a zaga corta. Na sobra, Dourado e Lindoso tabelam e a bola chega até Cuesta, que levanta na medida para Mauricio. Cabeceio sai por cima.

36min – GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOL! É DO IIIIIIIIIIIINTER! É DO CLUBE DO POVO! É DE YURI ALBEEEEEERTOOO! Dourado, de novo ele, que desarme! O camisa 13 recupera a posse e ela fica com Patrick, que aciona Taison. Em altíssima velocidade, nosso ídolo deixa os adversários comendo poeira e, já nas cercanias da área, serve Yuri. O camisa 11 domina fazendo o giro e, mesmo desequilibrado, finaliza na saída de João Paulo. Pintura, pintura, PINTURA!

Comemore o 3 a 0 com a emissora oficial do Clube do Povo

39min – HAT-TRICK DO HOMEM! É GOL! É MAIS UM! É MAIS UM! DALE Ô, COLORADO EU SOU! É GOL, É SHOW DO INTER! UMA MANHÃ GIGANTE, À ALTURA DE SEU SIGNIFICADO! GOOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! Moisés vai ao fundo e aplica drible desconcertante em Matheus Ribeiro. Com liberdade, o lateral cruza rasteiro, a zaga impede o gol de Mauricio, mas a sobra é dele, que tem perfume de gol! Yuri, Yuri, Yuuuuuuuuuuuuri para as redes!

Assim a Mais Vermelha narrou o hat-trick de Yuri

45min – Mais quatro. Vamos a 49!

46min – DANIEL! Bruno Silva escapa pela esquerda e, dentro da área colorada, rente à linha de fundo, cruza rasteiro. Goleiro alvirrubro encaixa.

48min – Yuri, servido por linda jogada de Cuesta, marca o quarto, mas o lance é invalidado pelo VAR.

49min – INTERVALO NO BEIRA-RIO! QUE PRIMEIRO TEMPO!


Segundo tempo

0min – Na Chapecoense, Denner deixa o campo. Entra Lima.

0min – Inter também retorna com novidades: Heitor, Boschilia e Cadorini, que estreia com o grupo principal. Sacados são Saravia, Dourado e Yuri Alberto.

2min – QUASE! Cuesta cobra falta frontal, e João Paulo espalma por escanteio.

7min – Boschilia cruza da direita, na medida para Cadorini, que acerta bonito cabeceio. Em dois tempos, João Paulo defende.

12min – CADOGOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É GOL DE ESTREAAAANTE! É GOL DE QUEM SABE! É GOL DE CENTROAVANTE! É GOL DO INTEEEEEER! GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! Da direita, Heitor cobra escanteio na direção da segunda trave. Cadorini, com espaço, faz o gesto técnico perfeito para marcar o quinto do Inter. Que estreia com o grupo principal, minha cria!

Rádio que mais acompanha a base colorada narrou assim o desencanto de Cadorini

14min – Patrick deixa o campo. Vem Gustavo Maia.

15min – Mike recebe na área colorada e finaliza bonito para descontar.

19min – Jordan amarelado por falta em Cadorini.

21min – Busanello por Mancha, Geuvânio por Marquinho. Trocas no time visitante.

23min – MILAAAAAAAAAAGRE! Inter roda a bola com qualidade, da esquerda para a direita. Taison é quem inverte o jogo, na medida para Heitor, que aciona Mauricio. O camisa 27 cruza na segunda trave, onde Gustavo Maia aparece livre. Ele cabeceia, e o goleiro, mesmo à queima-roupa, encaixa.

24min – Cadorini recebe o amarelo por falta em Ignácio.

26min – Paulo Victor vem a campo no lugar do ovacinado Taison. A gente te ama, ídolo!

36min – Lima cruza da direita, Mike emenda de primeira pela esquerda e marca para a Chapecoense.

37min – Kaio Nunes é a última mudança de Pintado. Saiu Moisés Ribeiro.

44min – Moisés leva o amarelo.

45min – Mais cinco. Vamos a 50!

50min – FIIIIIIIIIM DE JOGO! CINCO MUITO!


Ficha técnica:

Internacional (5): Daniel; Saravia (Heitor), Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés; Mauricio, Rodrigo Lindoso, Rodrigo Dourado (Boschilia) e Patrick (Gustavo Maia); Taison e Yuri Alberto (Matheus Cadorini). Técnico: Diego Aguirre.

Chapecoense (2): João Paulo; Matheus Ribeiro, Ignácio, Jordan e Mancha; Moisés Ribeiro (Kaio Nunes), Renê Júnior (Anderson Leite) e Denner (Lima); Geuvânio (Marquinho), Mike e Bruno Silva. Técnico: Pintado.

Gols: Yuri Alberto, aos 1’/1ºT, 36’/1ºT e 39’/1ºT, Taison, aos 5’/1ºT, e Cadorini, aos 18’/2ºT (I). Mike, aos 15’/2ºT e 36’/2ºT (C).

Cartões amarelos: Daniel, Moisés e Cadorini (I). Ignácio (C).

Arbitragem: Alisson Sidnei Furtado, auxiliado por Fábio Pereira e Cipriano da Silva Sousa. Quarto árbitro: Lucas Guimarães Rechatiko Horn. VAR: Leone Carvalho Rocha.

Estádio: Beira-Rio.

Público: 8.506. Pagantes: 7.394. Menores: 99. Não pagantes: 1.013.

Renda:
 R$ 474.842,00

Imagens

Fotos: Ricardo Duarte

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Esportes

Palmeiras se reapresenta após vitória sobre o Internacional pelo Brasileiro

Publicados

em


O Palmeiras se reapresentou na manhã desta segunda-feira (18), na Academia de Futebol, depois de ter vencido o Internacional por 1 a 0, no domingo (17), no Allianz Parque, pelo Campeonato Brasileiro. O meio-campista Danilo iniciou o processo de transição física com o Núcleo de Saúde e Performance e foi a novidade do dia.

O camisa 28 foi desfalque contra América-MG, Red Bull Bragantino, Bahia e Internacional por canelite na perna direita e na perna esquerda. O atleta trabalhou no campo, inclusive com bola, e também na parte interna do centro de excelência. Além dele, Mayke, Gabriel Menino e Jorge cumpriram cronograma de tratamento de lesões.

Os titulares fizeram atividades regenerativas como botas pneumáticas, massagem e piscina de água quente, enquanto o restante, com o incremento de Crias do Sub-20, realizou um coletivo de dois tempos de 15 minutos no gramado. Na parte final, os jogadores, divididos por posições, aprimoraram construções de jogadas partindo do meio de campo, passando pelas laterais e culminado em finalizações dos atacantes dentro da área.

  Felipe Melo completa 100 ª vitória com a camiseta do Palmeiras

Leia Também:  Avaí e Próspera ficam no empate no Campeonato Catarinense

Marcos Rocha voltou ao time no duelo com o Internacional (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

De volta ao time titular contra o Inter, o lateral-direito Marcos Rocha comentou sobre seu retorno após lesão muscular e a importância de o Verdão ter voltado a vencer no torneio nacional. “Estou feliz pela minha volta e por ter ajudado a equipe a ganhar novamente. Meu intuito é sempre ajudar o Palmeiras, seja me destacando individualmente seja em termos coletivos cumprindo as ordens do treinador. Aproveitar para agradecer ao Núcleo de Saúde e Performance pela minha rápida recuperação. Sobre o desempenho do time, acredito que a equipe produziu bastante, foram dois tempos bem consistentes, com a gente sempre sabendo o que fazer”, afirmou o lateral, que emendou a respeito da confiança readquirida.

“Quando vi a atmosfera do estádio, com o apoio do nosso torcedor, eu sabia que seria um jogo bom e que nossa equipe iria atuar bem. Agora é buscar algo a mais na competição, é ganhar ainda mais confiança e buscar fazer as coisas naturalmente como vínhamos fazendo. O importante ontem era vencer, independentemente do placar, para tirar o peso, e o nível que apresentamos precisa ser mantido também pensando na final da Libertadores”, concluiu.

  Palmeiras supera Atlético GO por 3 a 0 e sobe na tabela do Brasileirão

Leia Também:  Timão se reapresenta após empate no Brasileirão

Desde 2018 no Palestra Italia, Marcos Rocha soma 174 partidas, sete gols e 21 assistências pelo clube, tendo conquistado os títulos de campeão brasileiro em 2018, paulista em 2020, da Copa do Brasil em 2020 e da CONMEBOL Libertadores em 2020. O camisa 2 é o terceiro colocado em assistências na história do Allianz Parque e o quarto em assistências do atual elenco, além de ser o quinto do atual elenco que mais atuou pelo Verdão.

O Maior Campeão do Brasil ocupa no momento o quarto posto do Brasileirão com 43 pontos. Na quarta (20), o compromisso será diante do Ceará, em Fortaleza, em confronto adiado da 19ª rodada.

Os jogadores Matheus Fernandes, Breno Lopes e o técnico Abel Ferreira (da esquerda para a direita) durante treinamento na Academia de Futebol (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)fonte: https://www.palmeiras.com.br/pt-br/noticias/danilo-realiza-transicao-fisica-em-reapresentacao-do-palmeiras-apos-vitoria-pelo-brasileiro/

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA