Esportes

Cruzeiro vence mais uma partida pela 8ª rodada do Campeonato Mineiro

Publicados

em


O  início da noite de quarta-feira foram de alegria para o torcedor cruzeirense, que pôde comemorar mais uma vitória da equipe celeste. Mesmo atuando como visitante, o Cruzeiro superou o Coimbra por 2 a 0, no Independência, em duelo válido 1.

A agremiação estrelada dominou as ações ofensivas durante todo o jogo. No primeiro tempo, Bruno José acertou a trave. Já na etapa complementar, William Pottker e Felipe Augusto foram os responsáveis por balançar as redes e garantir o triunfo, que foi o segundo consecutivo da Raposa pelo estadual.

O próximo desafio do Maior de Minas será o clássico contra o Atlético-MG, às 16h de domingo, no Mineirão.

O jogo

O Cruzeiro iniciou o duelo se fazendo presente no campo ofensivo e criou uma boa chance logo aos 4 minutos. Pelo lado esquerdo, Marcinho acionou Airton, que cortou para o meio e bateu colocado, levando perigo à meta de Jori.

O time celeste quase inaugurou o placar aos 25 minutos. Matheus Barbosa deu lindo passe para Bruno José que, na ponta direita, ajeitou o corpo e chutou rasteiro, com categoria, mas a bola caprichosamente acertou a trave da Coimbra.

  Atacante Zé Eduardo almeja manter desempenho como Goleador do Cruzeiro

Leia Também:  Braga aprova meninos da Vila e admite empolgação para trabalhar com Holan no Santos FC

Dez minutos mais tarde, Raúl Cáceres recebeu próximo à linha lateral da grande área e tentou driblar Jori, que acabou interceptando a jogada, com o peito.

Logo depois, Bruno José apareceu novamente. Desta vez, o camisa 16 se aproximou da linha de fundo e fez o cruzamento. A bola passou pelo goleiro adversário e ficaria limpa para Airton só escorar de cabeça para o gol vazio, mas Filipi Sousa deu um leve desvio e impediu o gol cruzeirense.

Já aos 43 minutos, Bruno José recebeu dentro da área, limpou a marcação e soltou uma bomba de pé direito, mas o arremate saiu acima do travessão do Coimbra.

Bruno José foi muito participativo no duelo – Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

O início da segunda etapa teve a mesma tônica de todo o primeiro tempo, com o Cruzeiro na busca incessante pelo gol. Aos 2 minutos, Matheus Barbosa encontrou Bruno José na ponta. O atacante tentou cruzar para Rafael Sóbis, mas a bola foi em direção ao gol e por pouco não encobriu Jori, que se esticou todo para espalmar.

  Atlético MG vence do América e amplia invencibilidade

Leia Também:  Há 27 anos, Marcelinho Carioca estreava pelo Corinthians

Só dava Cruzeiro. Aos 12 minutos, Matheus Barbosa foi na linha de fundo e cruzou rasteiro. Após desvio, Rafael Sóbis ficou com a sobra e finalizou, mas foi interceptado por Gustavo, já dentro da área.

Com o passar do tempo, os comandados de Felipe Conceição iam aumentando a pressão em cima do rival, tentando chegar de todas as formas. Essa postura ofensiva deu resultado na marca dos 30 minutos, quando Weverton fez lançamento magistral para William Pottker. O atacante entrou livre na área e tocou na saída do goleiro, balançando a rede a favor da Raposa. Cruzeiro 1 x 0.

Próximo ao fim do jogo, o Clube Azul fez o segundo. Aos 49 minutos, Rômulo realizou ótimo lançamento para Felipe Augusto, que avançou com liberdade e concluiu com categoria. Cruzeiro 2 x 0.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Esportes

São Paulo vence o Bragantino no Morumbi pelo Campeonato Paulista

Publicados

em


Pouco depois de golear no São Caetano por 5 a 1 no último sábado (10), o Tricolor conquistou mais uma importante vitória no Campeonato Paulista de 2021. Na segunda-feira (12), no Morumbi, o São Paulo derrotou o Red Bull Bragantino por 1 a 0 em duelo antecipado da sétima rodada.

O gol solitário da partida foi anotado pelo zagueiro Léo Ortiz, contra, após chute forte e cruzado de Reinaldo – o goleiro espalmou, a bola voltou o defensor e entrou.

Com o resultado, o Tricolor se manteve na liderança do Grupo B, agora com 13 pontos em seis partidas. Na próxima quarta-feira (14), às 21h30, novamente no Estádio Cícero Pompeu de Toledo, o São Paulo receberá o Guarani pelo estadual.

Para encarar os visitantes, o time não contou com os meio-campistas Gabriel Sara e Hernanes (dores musculares). Já Vitor Bueno foi preservado por um desconforto muscular.

Assim, com Luan entre os titulares, Hernán Crespo escalou a equipe com Volpi; Arboleda, Bruno Alves e Léo; Igor Vinícius, Luan, Nestor, Dani Alves e Reinaldo; Rojas e Pablo.

  De virada, São Paulo vence o Goiás com gols de Brenner e Igor Gomes

Leia Também:  Braga aprova meninos da Vila e admite empolgação para trabalhar com Holan no Santos FC

No primeiro tempo, com Dani Alves mais adiantado, o Tricolor dominou a posse de bola e tentou criar as oportunidades na frente. Porém, não conseguiu furar o bloqueio adversário e, assim, o placar não foi alterado antes do intervalo.

Na volta para a etapa complementar, o treinador argentino promoveu a entrada de Luciano, que retornou após ser liberado do duelo com o São Caetano para resolver questões pessoais, no lugar de Rojas.

Aos 18, Eder herdou a vaga de Pablo, e o São Paulo garantiu a vitória em jogada que contou com a participação da dupla aos 25 minutos: Luciano rolou para Reinaldo, que bateu cruzado. Eder se enfiou entre os zagueiros, o goleiro espalmou e a bola voltou em Léo Ortiz, que fez contra! 1 a 0 e mais um triunfo nesta retomada do estadual!

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA