Entretenimento

Modelo brasileiro surpreende ao se casar com nove mulheres; veja fotos

Publicados

em


source
Casamento de modelo brasileiro, em SP
Divulgação CO

Casamento de modelo brasileiro, em SP

O modelo brasileiro conhecido como Arthur O Urso ganhou destaque na mídia internacional ao celebrar uma união amorosa de uma maneira nada ortodoxa. É que ele se “casou” com nove mulheres, numa cerimônia simbólica realizada numa igreja em São Paulo. E tudo com pompa e circuntância: com direito a moças vestidas de branco e ele trajado à caráter.

Arthur já mantinha um relacionamento com Luana Kazaki, com quem até já desfrutou uma lua de mel. Adeptos ao “poliamor” (relacionamento amoroso com mais de duas pessoas, ao mesmo tempo), tomaram a decisão de celebrar o número de parceiros com quem se relacionam. Para o casamento simbólico, o modelo pediu a mãe das outras mulheres, que aceitaram a empreitada. O grupo decidiu “oficializar” união para celebrar o “amor livre” e também o posicionamento contra a monogamia.

O caso chamou atenção de portais internacionais, que noticiaram o caso. O “casamento” foi tema de matérias na Inglaterra e até a China. O inglês “Daily Star”, por exemplo, publicou “homem se casa com nove mulheres para celebrar o amor livre e protestar contra a monogamia”.


Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Entretenimento

Leoni fala sobre a nova cepa e alfineta Bolsonaro: “Vai pôr a culpa no carnaval”

Publicados

em


source
Jair Bolsonaro e Leoni
Reprodução/Instagram

Jair Bolsonaro e Leoni


Leoni, ex-integrante das bandas de rock Kid Abelha e Heróis da Resistência, não botou muita fé na  declaração do presidente Jair Bolsonaro de que o Brasil não aguentaria mais um lockdown e que, se a decisão coubesse a ele, não haveria carnaval em 2022. O anúncio foi feito em meio às discussões em vários estados sobre as condições sanitárias para a realização da folia.

“Ano que vem, se houver uma terceira onda de Covid por causa da nova variante, Bolsonaro vai pôr a culpa no carnaval, nos governadores e na esquerda. Mas impor restrições urgentes a viajantes internacionais, para evitar a entrada do vírus, isso é contra”, escreveu o  cantor e compositor, seguido da hashtag #ForaBolsonaro.



Leia Também



A efetivação das medidas, contudo, foi adotada para impedir que a recente mutação da doença, batizada de Ômicron, potencialmente mais transmissível, se espalhe.  A partir de agora, a chegada de quem esteve, nos últimos 14 dias, em países como África do Sul, Botsuana, Suazilândia (Eswatini), Lesoto, Namíbia e Zimbábue está terminantemente proibida.

Leia Também:  Lo-fi: conheça o fenômeno em playlists para estudar, trabalhar e até transar


Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA