Entretenimento

Linn da Quebrada é a 12ª eliminada do “BBB22”, com 77,6% dos votos

Publicados

em


source
Linn da Quebrada é a 12ª eliminada
Reprodução

Linn da Quebrada é a 12ª eliminada

A cantora, compositora, atriz e ativista Linn da Quebrada foi eliminada do “BBB 22” neste domingo (10). A cantora foi a 12ª participante a deixar o reality show após um paredão. Ela recebeu 77,6% dos votos. Eliezer, com 15,66% dos votos, e Gustavo, 6,74%, que também estavam no paredão, se salvaram. No total, o paredão recebeu 83.569.638 votos.

“Por sua causa, o Brasil inteiro sabe que não tem mais desculpa pra errar o pronome. É ela”, disse Tadeu, em seu discurso.

Após o anúncio, Linn se despediu de Natália e Jessilane, suas aliadas no jogo, ambas muito emocionadas. A cantora abraçou a professora, a entregou um anel e disse que está torcendo por ela.

Leia Também:  Carnaval: Portela faz desfile luxuoso, mas alegorias atrapalham escola

Grande rival da artista, Arthur Aguiar disse que deseja se aproximar da sister fora do reality. “Quero muito que a gente consiga criar uma relação lá fora, fora do jogo. Relação de vida mesmo. Você é demais. Você é gigante. Te desejo tudo de mais lindo que tiver lá fora”, elogiou o ator.

Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Cidades

Feira agropecuária de Diamantino deve injetar R$ 8 milhões na cidade

Publicados

em

Por


A AgroDiamantino, feira agropecuária organizada pela Prefeitura de Diamantino (180km de Cuiabá) será realizada no período de 14 a 18 de setembro, no parque de exposições Serafim Adalberto Ticianeli, e prevê uma série de shows nacionais e regionais e rodeio. A entrada será gratuita e a expectativa é injetar R$ 8 milhões na economia da cidade, atraindo cerca de 50 mil pessoas para o evento.

A feira tem o objetivo de posicionar o município no cenário agropecuário e aquecer o comércio da cidade por meio da economia criativa, gerando oportunidade de negócios, emprego e renda.

Além de valores negociados em máquinas, implementos agrícolas, comércio, agricultura familiar, artesanato, outros segmentos da cidade também serão beneficiados com a comercialização de produtos e serviços, dentre eles, rede de hotelaria, restaurantes, salões de beleza, supermercados, farmácias, lojas de roupas e calçados, postos de combustíveis e outros.

“As feiras movimentam a economia, geram emprego, lucro e desenvolvimento para a cidade e região, mas também trazem alternativas de lazer e diversão para as pessoas. Diamantino é referência no setor agrícola e agropecuário, também se destaca pelas características histórica, cultural e pela identidade de seu povo. Aliamos tudo isso às ações e atividades relacionadas à cultura e à criatividade, que geram ainda mais receita e impacto em nossa economia”, ressaltou o prefeito Dr. Manoel Loureiro.

Leia Também:  Grávida de gêmeos, Isa Scherer revela sexo dos bebês

O empresário Longino Volpato está otimista sobre a movimentação no comércio com a AgroDiamantino. Ele espera que os apartamentos, do hotel de sua propriedade, sejam ocupados durante os cinco dias de evento. “A feira faz bem pra cidade, pra todo mundo, movimenta o comércio. As pessoas têm onde ir à noite com a família, é muito bom. Com certeza aprovo, porque divulga a cidade para o Brasil inteiro. Esperamos um movimento bom e que o povo se anime”, declarou.

Com Assessoria

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA