Entretenimento

Léo Santana é condenado a indenizar fãs por agressão em seu show

Publicados

em


source
Leo Santana
Reprodução/Instagram

Leo Santana


O cantor Léo Santana foi condenado em primeira instância a indenizar um casal de fãs por causa de uma confusão durante seu show em Guarapari (ES), na Arena Pedreira, realizado em 2018. O valor a ser pago por danos morais é de R$ 35 mil.

O show de Léo Santana foi iniciado com oito horas de atraso, o que causou revolta no público. Durante a apresentação, o cantor chamou o personal trainer Maurício Camargo para subir ao palco de maneira grosseira. “Me respeita, vagabundo. Vem aqui em cima falar”, disse Léo ao interromper uma música. 

Segundo o UOL, de acordo com as informações do processo, o personal teria sido agredido pela equipe do músico e funcionários da casa de shows com socos. A esposa de Maurício, Mariana de Sena, também teria sofrido violência dos seguranças. “Ao invés de apaziguar os ânimos para que o serviço fosse prestado da melhor forma aos seus consumidores, instigou a violência e expôs o autor para todo o público ali presente”, pontuou o juiz Giordano Resende Costa.

Leia Também:  Luciano Huck falará pela primeira vez sobre substituir Faustão

Leia Também


A resolução do caso contou com depoimentos de testemunhas, vídeos e exames do Instituto Médico Legal. Procurada pelo iG Gente, a assessoria de Léo Santana disse que o cantor recorreu parcialmente da sentença “que foi majoritariamente a seu favor”. A equipe ainda sinalizou que Léo preza é “com o trato com o público em geral” e que “todos da equipe, em especial a segurança são orientados para dar um tratamento de qualidade e íntegro respeitando os limites e emoções de seus fãs”.

Veja resposta da assessoria de Léo Santana na íntegra:

“O cantor Leo Santana apelou parcialmente da sentença que foi majoritariamente a seu favor, alguns pontos em que não concordou pediu que fosse reformada a decisão para que seja unicamente favorável a ele. Na segurança do artista Léo Santana, existe apenas 01 profissional altamente especializada que é um Capitão reformado do Batalhão de Choque da Polícia Militar da Bahia que já trabalha com artistas a muitos anos e tem total experiencia e capacitação em lidar com o público e fãs, uma das coisas que Léo mais preza e tem como base em sua carreira, não só como artista, mais também como pessoa, é com o trato com o público em geral, todos da equipe, em especial a segurança são orientados para dar um tratamento de qualidade e íntegro respeitando os limites e emoções de seus fãs e admiradores.”

Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Entretenimento

Marcelo Mathias, da “Casa dos Artistas”, fala de Naiara Azevedo no BBB

Publicados

em


source
Marcelo Mathias e Naiara Azevedo
Reprodução/Instagram

Marcelo Mathias e Naiara Azevedo


Em contato com o  iG Gente, Marcelo Mathias, ex-participante da terceira edição da “Casa dos Artistas”, não escondeu a sua torcida por Naiara Azevedo, no “Big Brother Brasil”. Mais do que isso, o  lutador de jiu-jítsu ressaltou que posição política não deveria ser levada em conta. 

“Não acho que ninguém deve criar ranço de alguém só por ser de direita ou de esquerda, assim como também não acho justo esse cancelamento todo que aconteceu antes da estreia”, destacou o fortão, referindo-se ao fato de a  dona do hit “50 Reais” ser apontada como eleitora de Jair Bolsonaro (PL).     


Para Mathias, a  cantora sertaneja paranaense é divertida, alto-astral e tem condições de ir longe no jogo, mas, para isso, as pessoas devem esquecer as atitudes tomadas por ela, e muitos não gostaram. “Precisam enxergar apenas a participante. Desse modo, a artista tem até  chances de ganhar”, frisou.

Leia Também:  Scheila Carvalho e Tony Salles comemoram aniversário da filha: 'Amor infinito'

Depois, questionado, Mathias lembrou que, quando integrou o  reality show no canal de Silvio Santos, em junho de 2002, tudo era diferente: “As redes sociais não tinham força. O que valia era o que o convidado fazia dentro do confinamento, ou seja, era bem melhor para a dinâmica da atração”.

Fonte: IG GENTE

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA