É Direito

Justiça Eleitoral promove seminário para discutir os desafios das Eleições 2022

Publicados

em


Com o objetivo de desenvolver estratégias eficazes de comunicação a serem adotadas pela Justiça Eleitoral, em 2021, visando os desafios das eleições gerais de 2022, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e o Colégio de Presidentes dos Tribunais Regionais Eleitorais (Coptrel) promovem o “Seminário Transformações na Comunicação: Novos Paradigmas Pós-pandemia”.

O evento, que vai acontecer nos próximos dias 19 e 20 de janeiro, contará com a participação de profissionais que compõem Assessorias de Comunicação dos Tribunais Regionais Eleitorais de todo o país, além de profissionais da imprensa e gestores da área que atuam na iniciativa privada. Em formato híbrido, a atividade será realizada presencialmente, no edifício-sede do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), em Salvador – respeitando as regras sanitárias e número reduzido de participantes – e remotamente – via Zoom, com transmissão pelo www.youtube.com/tvtreba.

Durante o seminário, também serão discutidos os desafios de realizar eleições no contexto da pandemia da Covid-19, em 2020, abordando o papel da Justiça Eleitoral brasileira de informar ao eleitorado sobre a importância da sua participação no processo democrático, fazer frente às fake news e, ao mesmo tempo, prestar contas dos protocolos sanitários adotados para resguardar a saúde de todos os envolvidos no processo eleitoral.

Leia Também:  Lacres das urnas eletrônicas das Eleições 2020 já podem ser removidos a partir desta quarta (24)

O Grupo de Trabalho de Comunicação (GT-Com), sob supervisão do TSE, apresentará um relatório de avaliação das Eleições 2020 e propostas de ações para 2021.

“A humanidade está enfrentando um momento atípico de sua história. A Justiça Eleitoral brasileira, em 2020, sob a liderança firme do ministro Luís Roberto Barroso, realizou eleições limpas, seguranças e transparentes, em um cenário de total adversidade. Nesse momento, vamos refletir o papel desempenhado pela comunicação e apontar soluções para melhorar, ainda mais, nosso diálogo com a população brasileira”, afirma o presidente do Coptrel e do TRE-BA, desembargador Jatahy Júnior.

Programação

19/01 – Terça-feira

9h às 12h: reunião presencial e restrita à equipe do TSE e ao GT-Comunicação, para avaliação das Eleições 2020, no edifício-sede do TRE-BA, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador.

14h às 17h: Seminário com participação de Giselly Siqueira, Tatiana Cochlar, Fábia Galvão e Laura Gracindo, do TSE; das jornalistas Karine Simões (TV Bahia) Tarsila Alvarindo (Record Bahia), Daniele Silva (Gestora de Comunicação) e das Assessorias de Comunicação dos TREs, com transmissão pelo Youtube do TRE-BA.

Leia Também:  Trabalho da Ouvidoria do TSE é destaque do Clica e Confirma

20/01 – Quarta-feira

9h às 12h: Reunião, via Zoom, com as Assessorias de Comunicação dos TREs e do TSE.

Fonte: Ascom do TRE da Bahia

Fonte: TSE

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

É Direito

I Jornada de Direito Eleitoral abre canal de diálogo com a sociedade

Publicados

em


Em um bate-papo ao vivo transmitido nesta quarta-feira (24) pelo canal Justiça Eleitoral no YouTube, representantes da Escola Judiciária Eleitoral do Tribunal Superior Eleitoral (EJE/TSE) e da Academia Brasileira de Direito Eleitoral e Político (Abradep) falaram sobre a I Jornada de Direito Eleitoral. O evento, promovido pela EJE/TSE, reunirá propostas de enunciados (ideias e compreensões diversas sobre temas relacionados ao Direito Eleitoral) enviados pelos participantes, com o objetivo de contribuir com o trabalho de toda a comunidade jurídica.

Assista ao vídeo do bate-papo sobre a I Jornada.

“A nossa intenção é aprender para depois tentar ensinar os operadores do Direito Eleitoral”, explicou o ministro do TSE e diretor da Escola, Tarcisio Vieira de Carvalho Neto. Segundo ele, a ideia surgiu ao perceber o quanto poderia se contribuir para um aumento da cientificidade do Direito Eleitoral no âmbito da Escola.

Quem pode participar?

“Qualquer pessoa pode participar”, revelou a vice-diretora da EJE, Caroline Lacerda. De acordo com ela, estudantes de Direito, juristas, professores ou simplesmente “apaixonados pelo Direito Eleitoral” estão aptos a enviar enunciados. Basta acessar o endereço  e preencher o formulário até o dia 12 de março. Veja mais informações sobre o cronograma no edital da I Jornada de Direito Eleitoral.

Leia Também:  Lacres das urnas eletrônicas das Eleições 2020 já podem ser removidos a partir desta quarta (24)

Para o coordenador-geral da Abradep, Marcelo Weick Pogliese, é importante que a sociedade civil entenda essa iniciativa como um importante canal de comunicação com as instituições: “Faço uma conclamação, um chamamento público a todas as entidades parceiras para que participem e colaborem com esse diálogo de qualidade pelo aperfeiçoamento da democracia”.

Saiba mais sobre o evento.

AL/LC, DM

Leia mais:

05.02.2021 – Escola Judiciária do TSE realiza I Jornada de Direito Eleitoral

Fonte: TSE

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA