Cidades

Seduc disponibiliza computadores para matrículas online de novos alunos

Publicados

em

 

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) vai disponibilizar terminais de computadores aos estudantes, pais e responsáveis que não têm acesso à internet ou que tenham dificuldades para solicitar vagas de novos alunos, por meio da Matrícula Web, em escolas estaduais de Cuiabá. Os computadores estarão disponíveis no órgão central da Seduc, nas Diretorias Regionais de Educação (DREs) e nas unidades escolares participantes da Matrícula Web.

As matrículas para os novos alunos começam nesta segunda-feira (10.01) nas escolas estaduais de Cuiabá e no período de 11 a 14 de janeiro de 2022, nas escolas dos demais municípios do Estado.

Computadores e uma equipe do setor de matrículas ficarão disponíveis na sede da Seduc para auxiliar no processo durante todo o período de inscrições (10 a 14 de janeiro de 2022).

Para os interessados em usar os computadores e que ainda não fizeram o cadastro é necessário estar presente na Seduc a partir das 7h30. O objetivo é dar mais agilidade no momento de preencher os dados e garantir a vaga. A sede da Seduc está localizada na Rua Engenheiro Edgar Prado Arze, 215, no Centro Político Administrativo.

Entre os documentos necessários para a matrícula estão: apresentação de documentos pessoais do pai, da mãe ou do responsável legal (RG e CPF); certidão de nascimento ou casamento do aluno; documentos pessoais do aluno (RG e CPF); fatura de consumo de Energia Elétrica da residência dos pais ou responsáveis atualizada; histórico escolar ou atestados de transferência; cartão atualizado de vacina do aluno (de acordo com a Lei Estadual nº 10.736, de 09 de agosto de 2018).

Leia Também:  Chuvas em BR e rodovia sem asfalto deixam caminhoneiros ilhados em MT

Para fazer a matrícula é necessário que os pais ou responsáveis já tenham realizado o cadastro de usuário pelo site da Secretaria Estadual de Educação (Seduc).

Trilha de Aprofundamento

Este ano, estudantes de 62 escolas estaduais devem informar, no ato da matrícula, qual será a Trilha de Aprofundamento da Área de Conhecimento ou a Trilha de Aprofundamento em Educação Profissional Tecnológica – (EPT) a ser cursada pelo estudante no ano letivo de 2022.

A Trilha de Aprofundamento é a área de conhecimento em que o estudante deseja se desenvolver, de acordo com as habilidades Ciências da Natureza e suas Tecnologias (biologia, física e química), Linguagens e suas Tecnologias (português, inglês, educação física e arte), Ciências Humanas e Sociais Aplicadas (história, geografia, sociologia e filosofia), Matemática e suas Tecnologias, e Educação Profissional Tecnológica.

Ao acessar a página, será necessário selecionar a escola, turno, série/ano da Trilha de Aprofundamento que o estudante pretende cursar, por exemplo: 1º ano do Ensino Médio > Regular > Ano > 1º Ano Cien.Natureza.

O estudante poderá optar por adicionar uma trilha integrada, ou seja, com duas áreas do conhecimento, por exemplo: Ciências Humanas e Matemática, ou Linguagens e suas Tecnologias e Matemática, dependendo do que for disponibilizado por cada escola.

Leia Também:  Mulher de MC Kevin presta depoimento e descarta suicídio do marido

Tanto a matrícula como a seleção da área de conhecimento, devem ser feitas diretamente no Portal Matrícula Web 2022.

Após efetuar a matrícula online, o estudante maior de idade ou o pai/responsável pelo aluno menor de idade deverá comparecer na unidade escolar de opção para confirmação. Deverão estar munidos dos documentos exigidos na portaria.

Depois de efetuar a matrícula online, o aluno maior de idade ou o pai/responsável pelo aluno menor de idade deverá comparecer na unidade escolar de opção para confirmação da matrícula, munidos dos documentos exigidos na portaria. O horário de atendimento presencial nas escolas será das 8h às 18h.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Cidades

Governador: “Estamos trabalhando para que MT seja uma das 10 melhores educações do país”

Publicados

em


O governador Mauro Mendes afirmou que a gestão tem trabalhado para que Mato Grosso passe a integrar a lista dos 10 Estados com os melhores índices educacionais do país nos próximos anos, além de erradicar o analfabetismo. 

A declaração foi dada durante o evento de posse dos diretores, adjuntos, coordenadores e assessores pedagógicos das Diretorias Regionais de Educação (DREs), na noite desta terça-feira (18.01). 

“Estamos trabalhando para que Mato Grosso tenha uma das 10 melhores educações do país nos próximos cinco anos. Que seja um território livre do analfabetismo. Tenho muito orgulho dos hospitais que estamos construindo, dos milhares de quilômetros de asfalto que estamos entregando. Mas tenho certeza que vai encher meu coração e minha alma de orgulho em poder dizer que nós mudamos essa história da Educação em Mato Grosso. Isso não tem preço”, ressaltou. 

Mauro Mendes citou o grande pacote de investimentos que tem sido executado na educação, desde a construção de novas escolas e quadras poliesportivas, reforma geral nas existentes, convênios para melhorias em centenas de unidades educacionais em todo o Estado, aumento do recurso descentralizado para os diretores fazerem reparos nas escolas, entre várias outras medidas estruturais. 

Leia Também:  Boletim Epidemiológico – COVID 19 em Diamantino MT

Além disso, conforme o governador, o campo pedagógico também tem recebido investimentos massivos, desde a verba para os professores comprarem notebooks e internet, até a aquisição de um sistema estruturado de ensino da Fundação Getúlio Vargas (FGV), uma das instituições educacionais mais respeitadas do país. 

“Estamos investindo em tecnologia porque ela abre um leque de oportunidades muito grande. Por isso que cada sala de aula vai ter uma Smart TV, para que esse recurso tecnológico possa ser uma ferramenta a mais na mão do professor. Porque as crianças hoje estão antenadas, então as nossas salas têm que ser mais atrativas. Vivemos em um tempo da capacidade de transformar o conhecimento em informação e resultado. É essa a escola que temos que pensar”, relatou. 

Mauro Mendes ainda lembrou que foi a Educação da escola pública que deu a ele a oportunidade de crescer profissionalmente e de hoje poder ocupar o cargo de governador. 

“Foi a Educação que me tirou do interior de Goiás, da roça. E foi aquele garoto que teve a oportunidade de estudar na escola pública que hoje está diante de vocês falando como governador de um grande Estado como Mato Grosso. Espero que os filhos da escola pública, esses 400 mil alunos que estamos tratando aqui, e tudo o que estamos fazendo é por eles, possam também ter essa oportunidade. Estamos fazendo isso para que daqui a 10, 20, 30, 40 anos, algum deles esteja aqui ou num lugar muito igual a esse falando como governador de Mato Grosso. Essa história estamos construindo com vocês”, finalizou, ao agradecer o empenho dos profissionais da Educação.

Leia Também:  Professora que adotou indígena com Síndrome de Down surdo-mudo em MT diz que aprende com o filho todos os dias
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA