Cidades

Escola do Corpo de Bombeiros Militar divulga edital com nome dos inscritos e locais de realização das provas

Publicados

em


A Escola Estadual Militar do Corpo de Bombeiros Dom Pedro ll “Vitória Furlani da Riva”, de Alta Floresta, divulgou, na tarde desta terça-feira (30.11), o edital n° 004 com o nome dos alunos homologados e o local de realização das provas. O edital pode ser consultado neste link.

Conforme o documento, o candidato que não teve o nome homologado, tem o prazo de 48 horas, a partir da divulgação deste edital, para ingressar com recurso na Secretaria da unidade escolar.

As provas serão aplicadas no dia 05 de dezembro de 2021, pela manhã, em dois horários. Das 07h30 às 9h30 será para o 9° ano, 1° ano e 2° ano. Das 10h30 às 12h30 acontece a aplicação das provas para os candidatos do 6° ano, 7° ano e 8° ano.

Dúvidas e outras informações podem ser obtidas através dos contatos (66) 3521-1543 ou pelo (Whatapp) (66) 99602-8148.

Sobre o processo seletivo

São ofertadas um total de 390 vagas para o Ensino Fundamental, sendo 60 para o 9° Ano (8ª série), no período matutino, 150 vagas para o 6° Ano (5ª série), 120 para o 7° Ano (6ª série) e 60 para o 8° Ano (7ª série), período vespertino. O edital de abertura do processo seletivo pode ser consultado clicando aqui.

Leia Também:  Encontro Estadual debate respeito e responsabilidade no trânsito

Serviço

Escola Estadual Militar do Corpo de Bombeiros Dom Pedro II “Vitória Furlani da Riva” fica localizada na Av. Uniflor nº 180 – Centro – CEP: 78580-000 – Alta Floresta-MT. Fone: (66)3521-1543 ou Whatapp: (66) 99602-8148.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Cidades

Governador: “Estamos trabalhando para que MT seja uma das 10 melhores educações do país”

Publicados

em


O governador Mauro Mendes afirmou que a gestão tem trabalhado para que Mato Grosso passe a integrar a lista dos 10 Estados com os melhores índices educacionais do país nos próximos anos, além de erradicar o analfabetismo. 

A declaração foi dada durante o evento de posse dos diretores, adjuntos, coordenadores e assessores pedagógicos das Diretorias Regionais de Educação (DREs), na noite desta terça-feira (18.01). 

“Estamos trabalhando para que Mato Grosso tenha uma das 10 melhores educações do país nos próximos cinco anos. Que seja um território livre do analfabetismo. Tenho muito orgulho dos hospitais que estamos construindo, dos milhares de quilômetros de asfalto que estamos entregando. Mas tenho certeza que vai encher meu coração e minha alma de orgulho em poder dizer que nós mudamos essa história da Educação em Mato Grosso. Isso não tem preço”, ressaltou. 

Mauro Mendes citou o grande pacote de investimentos que tem sido executado na educação, desde a construção de novas escolas e quadras poliesportivas, reforma geral nas existentes, convênios para melhorias em centenas de unidades educacionais em todo o Estado, aumento do recurso descentralizado para os diretores fazerem reparos nas escolas, entre várias outras medidas estruturais. 

Leia Também:  Encontro Estadual debate respeito e responsabilidade no trânsito

Além disso, conforme o governador, o campo pedagógico também tem recebido investimentos massivos, desde a verba para os professores comprarem notebooks e internet, até a aquisição de um sistema estruturado de ensino da Fundação Getúlio Vargas (FGV), uma das instituições educacionais mais respeitadas do país. 

“Estamos investindo em tecnologia porque ela abre um leque de oportunidades muito grande. Por isso que cada sala de aula vai ter uma Smart TV, para que esse recurso tecnológico possa ser uma ferramenta a mais na mão do professor. Porque as crianças hoje estão antenadas, então as nossas salas têm que ser mais atrativas. Vivemos em um tempo da capacidade de transformar o conhecimento em informação e resultado. É essa a escola que temos que pensar”, relatou. 

Mauro Mendes ainda lembrou que foi a Educação da escola pública que deu a ele a oportunidade de crescer profissionalmente e de hoje poder ocupar o cargo de governador. 

“Foi a Educação que me tirou do interior de Goiás, da roça. E foi aquele garoto que teve a oportunidade de estudar na escola pública que hoje está diante de vocês falando como governador de um grande Estado como Mato Grosso. Espero que os filhos da escola pública, esses 400 mil alunos que estamos tratando aqui, e tudo o que estamos fazendo é por eles, possam também ter essa oportunidade. Estamos fazendo isso para que daqui a 10, 20, 30, 40 anos, algum deles esteja aqui ou num lugar muito igual a esse falando como governador de Mato Grosso. Essa história estamos construindo com vocês”, finalizou, ao agradecer o empenho dos profissionais da Educação.

Leia Também:  Piscicultores devem atualizar cadastro de espécies cultivadas junto ao Indea até 10 de dezembro
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA