Agro Notícias

TOMATE/CEPEA: Preços têm ligeira queda, mas seguem em patamar elevado

Publicados

em


Cepea, 19/10/2021 – As cotações do tomate salada longa vida 3A tiveram leve recuo nos atacados nos últimos dias, o que pode estar atrelado a problemas de qualidade, de acordo com atacadistas consultados pelo Hortifruti/Cepea. No entanto, apesar da desvalorização, os preços continuam em patamares elevados, ainda sustentados pela baixa oferta. Segundo agentes consultados pelo Hortifruti/Cepea, a maturação dos tomates está lenta, e o número de frutos ainda verdes é grande, o que tem gerado sobras e, consequentemente, quedas nos valores. Entre 11 e 15 de outubro, o preço médio do tomate salada longa vida 3A fechou a R$ 108,33/caixa de 20 kg na Ceagesp, queda de 4,95% frente à média da semana anterior. No Rio de Janeiro (RJ), a desvalorização foi de 0,35%, para R$ 119,32/cx. Em Belo Horizonte (MG), a média foi de R$ 93,93/cx, recuo de 3,66%. Já em Campinas (SP), os preços registraram leve alta, de 1,69%, fechando a R$ 100,00/cx. Fonte: Cepea/Hortifruti – www.hfbrasil.org.br

Fonte: CEPEA

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Entidades da pecuária em Mato Grosso mantém proposta de 1,75% do ICMS sobre carne bovina
Propaganda

Agro Notícias

CITROS/CEPEA: Por enquanto, floradas em pomares de SP são consideradas satisfatórias

Publicados

em


Cepea, 26/11/2020 – O atual volume de flores nos pomares paulistas, que darão origem às laranjas da safra 2022/23, é considerado satisfatório por agentes consultados pelo Cepea na maioria das áreas citrícolas do estado de São Paulo. Segundo pesquisadores do Cepea, enquanto nos pomares irrigados a abertura das floradas foi observada a partir de setembro, nos sem irrigação, isso só foi ocorrer em meados de outubro, após a chegada – atrasada – das chuvas. Agora, agentes se mostram preocupados com possíveis impactos da falta de chuvas neste ano sobre o vigor das plantas. Vale lembrar que o clima tem influência direta no pegamento, ou seja, chuvas, calor em excesso ou até mesmo grandes amplitudes térmicas podem ter efeito negativo sobre essa fase de desenvolvimento dos frutos. Pesquisadores do Cepea ressaltam que o resultado desta etapa deverá ser melhor avaliado no começo do próximo ano. Fonte: Cepea (www.cepea.esalq.usp.br)

Fonte: CEPEA

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Região Oeste vai receber a 15ª edição do Circuito Aprosoja
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA