Agro Notícias

Equipe da Aprosoja-MT atende centenas de produtores rurais no Dinetec

Publicados

em


Fortalecimento Institucional

Equipe da Aprosoja-MT atende centenas de produtores rurais no Dinetec

Em três dias de evento, a maior feira de negócios do Araguaia reuniu mais de 14 mil visitantes

14/01/2022

Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja-MT) que representa mais de 7.500 produtores rurais marcou presença no Dia de Negócios e Tecnologias – DINETEC 2022, realizado nos dias 12, 13 e 14 de janeiro, em Canarana-MT. O evento recebeu mais de 14 mil visitantes, entre agricultores, expositores e público em geral.

O estande da Aprosoja-MT, durante os 3 dias de evento recebeu produtores rurais associados e visitantes de diversos municípios da região Leste. Na oportunidade, foram apresentadas as ações e projetos que a entidade desenvolve nas áreas de Sustentabilidade, Defesa Agrícola e Política Agrícola e Logística, além da criação do Centro Tecnológico Araguaia (Ctecno Araguaia), com mais de 100 cultivares, atualização cadastral, novas associações e retirada de brindes.

De acordo com Diego Sichoski, um dos organizadores do Dinetec, está é a 8ª edição da maior feira de negócios do Araguaia. “Aqui reunimos a diversidade de culturas do Brasil, máquinas, implementos, tecnologias, instrumentos, produtos, e mais uma infinidade de coisas, além de que esse ano tivemos recorde no número de expositores”.

Leia Também:  IPPA/CEPEA: Índice recua em novembro pelo terceiro mês seguido

O produtor rural e delegado da Aprosoja-MT, Mateus Goldoni, disse que esse é um evento de renome para a região Leste e traz muitas novidades no mercado do agro. Também salientou que, entidade fomentou junto aos seus associados a importância da Campanha alimente uma Vida. “Continuamos com esta campanha, pedimos aos produtores que ainda não fizeram sua doação, que é só acessar o site www.alimenteumavida.com.br.

Para o presidente do Sindicato Rural de Canarana, Alex Wisch, este ano o Dinetec superou as expectativas. “Tivemos um record de público e também de negociação com mais de 1 bilhão de reais. Conforme a região vai crescendo, cresce também seu potencial para expandir os negócios voltados para agronegócio, oferecendo novas tecnologias e abrindo horizontes aos nossos produtores rurais”, declarou Wisch.

“Canarana desponta nessa questão em ter uma vitrine tecnológica. Eventos como esses precisam ser valorizados, pois mostram o nosso setor, e a necessidade de ser mais valorizado, pois mesmo diante de uma crise sanitária não parou e segurou o país em meio tantas dificuldades. Aprosoja-MT é parceira para todo projeto que enalteça o produtor rural”, pontuou Cadore.

Leia Também:  Biocombustíveis:Análise avançada do mercado e taxa de crescimento até 2025

Dinetec – Realizado pela primeira vez em 2015, o Dia de Negócios e Tecnologias surgiu com o intuito de reunir em um só local, o maior número de empresas voltadas ao ramo agrícola e assim promover o fortalecimento da classe produtora, proporcionar o contato entre as empresas e clientes, prospectar e findar negócios, para o aquecimento da economia de Canarana e toda a região, em uma área de mais de 100 mil metros quadrados, movimentando milhões de reais em negócios. O evento é uma iniciativa da empresa Meta Consultoria Agrícola, com apoio do Sindicato Rural de Canarana e da Prefeitura de Canarana – MT.

Fonte: Rosangela Milles

Assessoria de Comunicação

Contatos: Telefone: 65 3644-4215 Email: [email protected]

Fonte: APROSOJA

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Agro Notícias

ALGODÃO/CEPEA: Indicador registra 6º recorde nominal consecutivo

Publicados

em


Cepea, 19/1/2022 – Os preços do algodão em pluma subiram com força nos últimos dias, renovando o recorde nominal da série histórica do Cepea há seis dias consecutivos e ultrapassando os R$ 6,9/libra-peso. Segundo pesquisadores do Cepea, o avanço das cotações tem sido influenciado pela elevação dos valores internacionais, pela baixa disponibilidade de pluma no spot e pela posição firme de vendedores. Além disso, o mês de janeiro é sazonalmente de preços acima da média anual, devido à maior presença compradora para renovar estoques depois do recesso de fim de ano. Atualmente, indústrias estão preocupadas com o repasse dos preços da matéria-prima, ao passo que as vendas estão enfraquecidas. Nos últimos dias, compradores e vendedores se mantiveram em disputa acirrada quanto ao preço da pluma. No entanto, na maioria dos casos, os compradores com necessidade imediata tiveram que ceder aos pedidos dos vendedores. Entre 11 e 18 de janeiro, o Indicador CEPEA/ESALQ do algodão em pluma avançou 3,65%, fechando a R$ 6,9373/lp nessa terça-feira, 18 – máxima nominal da série histórica do Cepea. Na parcial de janeiro, a alta é de 8,25%. A média do Indicador na parcial deste mês, de R$ 6,6495/lp, também é recorde nominal da série do Cepea. Fonte: Cepea (www.cepea.esalq.usp.br)

Leia Também:  Aprosoja-MT alerta produtores para diminuir o uso de fertilizantes
Fonte: CEPEA

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

polícia

política

Cidades

ESPORTES

Saúde

É Direito

MAIS LIDAS DA SEMANA