Home Destaque Sorriso e Cáceres se consagram campeões da Copa de Futsal

Sorriso e Cáceres se consagram campeões da Copa de Futsal

0

Sorriso Futsal e Cáceres Faipe Uirapuru consagram-se campeões da 19ª Copa Centro América de Futsal, no masculino e no feminino, respectivamente, nesse último fim de semana, no ginásio de esportes da UFMT (Universidade Federal de Mato Grosso), em Cuiabá. Com público de mais de 1800 pessoas e com o total de nove gols nas duas finais e mais três gols de pênaltis no masculino.

O Sorriso Futsal venceu a equipe masculina do Cáceres Faipe nos pênaltis, no sábado (07.07), no período noturno, no ginásio da UFMT, em Cuiabá. Num jogo cheio de reviravoltas, com o Sorriso marcando dois a zero, o Cáceres empatando e ampliando para três a dois e Sorriso empatando no três a três. Então foram para os pênaltis e Sorriso ganhou por placar de dois a um.

“Uma final de campeonato é vencida nos detalhes. Num momento você está bem, no outro é o adversário, há essa oscilação, mas acredito que a vitória vem quando você consegue ser efetivo nos momentos em que está em alta. É preciso saber manter a cabeça no lugar. Ser resiliente quando está na frente e quando está atrás”, diz o pivô do Sorriso, Hugo Williams de Santana, autor de seis gols.

O Sorriso fez o total de 13 jogos na 19ª Copa Centro América de Futsal, sendo dez vitórias, uma derrota e dois empates. Uma das dez vitórias foi por pênaltis na final. E teve três confrontos contra o último oponente, o Cáceres. Obtiveram contra eles uma vitória por pênaltis (na final), um empate e uma derrota. Para o técnico campeão estadual, Emanuel de Oliveira, o título foi muito merecido.

“Quem investe, quem trabalha, quem faz um futsal profissional tem sempre que vencer. Nós colocamos o time num formato profissional, cerca de três meses atrás, treinamos dois períodos por dia, mesmo quem trabalham e fizemos tudo com logística e planejamento. E os atletas acreditaram nesse projeto e jogaram com força de vontade e com garra”, disse o técnico do Sorriso, Emanuel.

No feminino, o Cáceres Faipe Uirapuru foi campeão ao superar a equipe Família Peixoto por placar de dois a um. O Cáceres fez uma campanha com oito jogos, sendo sete vitórias e uma derrota, com 27 gols feitos e com nove sofridos. E para a campeã estadual, a pivô Samanta Campos, a união fez a diferença. Segundo ela, um time unido tem melhores resultados dentro e fora de quadra.

“A união recai sobre todas as ações do grupo. Unidas conseguimos ter melhores resultados no passe e no entrosamento entre jogadoras. Com união também evitamos que se apontem os dedos para os erros umas das outras. Todo erro é encarado como do grupo e isso ajuda muito. Tivemos a melhor campanha e por isso somos merecedoras do título”, avaliou a pivô do Cáceres, Samanta.

De acordo com o presidente da Federação Mato-grossense de Futsal (FMFS), Pedro Verão, a Copa Centro América de Futsal foi realizada com 50 equipes e teve mais de mil pessoas envolvidas em sua execução. Segundo ele, são em momentos como este, de ginásio cheio para as finais do campeonato, que se pode proporcionar uma importante inclusão social por meio do esporte.

“Tivemos jogos dignos de liga nacional ou qualquer competição internacional. O que mostra que o futsal do estado voltou ao nível que sempre foi. Fechamos parte da programação da federação, com o fim da Copa Centro América, mas já nos preparamos para iniciar os demais eventos do calendário, como a Copa da Juventude e a Liga Centro-Oeste”, comentou o presidente, Pedro Verão.

Fotos: Junior Martins

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe sua resposta