Home Saúde Sentir cólica durante ou após o orgasmo é realidade de muitas mulheres:...

Sentir cólica durante ou após o orgasmo é realidade de muitas mulheres: como evitar

0

Ter cólica durante ou depois do orgasmo é um circunstância que ocorre com algumas mulheres e que, de certa forma, compromete um momento de grande prazer. Mas o que acontece com o organismo feminino para que essa dor inconveniente ocorra? E, mais importante ainda, como evitá-la?

Cólica no orgasmo

Cólica ou dor?

Distinguir a sensação de dor e de cólica nem sempre é intuitivo, mas é importante para entender sua origem. A cólica geralmente vem acompanhada de pequenos espasmos e contrações involuntárias. Já a dor tende a ser algo mais pontual, que possui uma intensidade constante.

De onde vem a cólica?

A cólica associada ao orgasmo tem origem na vagina ou no abdômen baixo e pode demorar horas para passar. O seu surgimento está muito relacionado ao movimento que o útero faz durante o orgasmo. Ocorre que essa parte do corpo é bastante trabalhada no ato sexual e, por isso, a cólica é como uma dor “pós treino”, proveniente da fricção que acontece durante o sexo.

Lembrando que, se a dor for muito intensa e constante é ideal procurar um médico pois pode indicar doença inflamatória pélvica, endometriose, cisto ou fibrose.

Como evitar?

Explorar novas posições sexuais, que deixe o músculo mais confortável, pode ser uma alternativa para driblar a cólica. Se as posições que você mais têm prazer costumam ser acompanhadas do desconforto, você pode recorrer à remédios anti-inflamatórios para não abrir mão da posição.

Independente de qualquer coisa, é importante ter em mente que cólicas não devem estar sempre presentes e, se elas insistem em aparecer, é fundamental procurar um médico.

 

 

 

 

 

Fonte: SaudeVix

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe sua resposta