Home Política Sachetti: “Serei avô, mas não volto para deputado federal”

Sachetti: “Serei avô, mas não volto para deputado federal”

0

Deputado diz que só deixará grupo de Mendes se todas possibilidades de aliança se esgotarem

O deputado federal Adilton Sachetti (PRB) afirmou que prefere não disputar nenhum cargo nas eleições deste ano a ter que desistir de sua pré-candidatura ao Senado e tentar a reeleição na Câmara Federal.

Em entrevista na última semana, o parlamentar disse que continua a tentar viabilizar seu espaço na chapa do pré-candidato ao Governo Mauro Mendes.

Ele disputa uma das duas vagas com o ex-governador Jaime Campos (DEM) e o ex-vice-governador Carlos Fávaro (PSD).

“Em nenhuma hipótese [desisto do Senado]. Serei avô, mas não volto para deputado federal. Vou exercer a função de avô e cuidar dos meus netos”, disse.

“Eu fiz um plano na minha vida, me preparei para tal e vou trabalhar até o último momento para tornar realidade. Se eu não conseguir, não morro se não for candidato. A vida continua. Tenho uma família e vou cuidar dos meus netos”, afirmou.

O parlamentar se disse surpreso ao ler as notícias de que Fávaro está mais cotado para a vaga que ele.

Afirmou que tentará esgotar todas as possibilidades para se manter no grupo de Mauro Mendes.

Entretanto, não descartou fechar com o governador Pedro Taques (PSDB), que vai à reeleição. Ele disse ter recebido convite do tucano tanto para ser vice como disputar o Senado.

“O governador fez o convite, mas a gente continua conversando. Nunca deixei de conversar com A, B ou C. Conversei com o Wellington [Fagundes] também. Vamos ter uma disputa eleitoral, não uma inimizade eleitoral”, disse.

“Mas estou construindo um projeto junto com o Mauro Mendes, o Jaime Campos e o Otaviano Pivetta. Vou continuar conversando com o Mauro até esgotarem todas as possibilidades. Senão eu seria um João-vai-com-as-outras, que vai de um lado para o outro”, afirmou.

 

 

 

Fonte: MidiaNews

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe sua resposta