Home Cidades Pintor atropelado entra com ação na Justiça contra advogado

Pintor atropelado entra com ação na Justiça contra advogado

0

Martiniano Cabral foi atropelado na noite de sexta-feira em frente a uma distribuidora no bairro CPA IV

O pintor Martiniano Cabral, de 54 anos, entrou com uma ação de reparação de danos contra o advogado Dyego Nunes da Silva Souza, 32. O valor do pedido não foi divulgado.

O advogado foi detido sob suspeita de atropelar o pintor na noite de 6 de julho, em frente a uma distribuidora de bebidas no bairro CPA IV, e depois fugir sem prestar socorro.

MidiaNews apurou que uma outra vítima do atropelamento – ainda sem identificação divulgada – também entrará com o mesmo pedido.

O caso tomou notoriedade após o advogado e amigo de Dyego, Luciano Nascimento, denunciar os policiais da Gerência de Operações Especiais (GOE) por truculência na ação que levou à detenção do suspeito e do próprio defensor.

Nas redes sociais, vídeos do momento da ação policial foram compartilhados por representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MT) e da Associação Brasileira dos Advogados Criminais (Abracrim-MT). As entidades dizem que houve truculência e que Luciano foi espancado.

Após o atropelamento, Martiniano Cabral foi socorrido e levado ao Pronto-Socorro de Cuiabá. Lá foi diagnosticado três fraturas pelo corpo – bacia, costela e joelho.

Com as lesões, Martiniano que é pintor e pescador profissional, ficará sem trabalhar por tempo indeterminado.

O ocorrido foi registrado por uma câmera de segurança do local. Na segunda-feira (9), a vítima foi ao Instituto Médico Legal (IML) para realizar o exame de corpo de delito.

 

 

 

Fonte: MidiaNews

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe sua resposta