Home Esportes Paulão confessa agressão a Valdívia no Inter: “Dei um tapa nele”

Paulão confessa agressão a Valdívia no Inter: “Dei um tapa nele”

0

Atualmente no Vasco, o zagueiro Paulão revelou que agrediu fisicamente Valdívia, meia do São Paulo, quando ainda defendiam o Internacional, em 2016, ano do rebaixamento do clube.

Lutando para sair da zona da degola do Brasileirão, o Colorado teve uma oportunidade derradeira de vencer o Fluminense no Beira-Rio quando as equipes estavam empatando em 2 a 2, contudo, o atual atleta do Tricolor ignorou a presença dos zagueiros de sua equipe na área e decidiu cobrar a falta direto para o gol, fato que enfureceu o agora defensor do Vasco.

“Entrei no vestiário com a cabeça louca, fui em direção a ele procurando, procurando, mas estava totalmente fora de si. Quando o encontrei, falei: ‘Pô, Valdívia, por que você não colocou a bola na área? Treinamos a semana toda para, se acontecesse um lance desse, botar na área. Se a gente ganha o jogo, a gente saía da zona'”, relembrou Paulão em entrevista à Fox Sports .

“Ele falou: ‘Achei que poderia fazer o gol’. Aí eu perdi a cabeça e dei um tapa nele. Aí começou uma discussão no vestiário, bate-boca, tentei me acalmar, tomei banho. Eu tinha um carinho muito grande por ele, ainda tenho”, confessou o zagueiro do Vasco, sem esconder o arrependimento.

“Aí na hora de sair, o pai dele, o filho dele, todo mundo… fui lá, falei com o pai dele, pedi desculpas, estava com cabeça quente dentro de campo, fiz um papel de moleque. Ele aceitou na boa. Ficou um arranca rabo com o Valdívia, porque eu tentava chegar nele, mas ele não queria. Ele estava com a razão, sabia que ele estava com a razão por não aceitar [as desculpas] no momento, mas, graças a Deus, depois ficou tudo numa boa”, completou.

Emprestado ao São Paulo até o final da atual temporada, Valdívia não deverá retornar ao Internacional. A ideia do clube é tentar vendê-lo de acordo com seu desempenho no Tricolor. Paulão, por sua vez, foi cedido ao Vasco, que ficará com o jogador até seu vínculo com o Colorado se encerrar (dezembro de 2019).

Terra

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe sua resposta