Home Cidades Obras serão concluídas em 60 dias

Obras serão concluídas em 60 dias

0

Parte do conjunto de ações que a Prefeitura de Cuiabá tem desenvolvido nas principais vias da Capital, o processo de revitalização do canteiro central da Avenida Mato Grosso já tem prazo definido para ser concluído. Conforme assegurado pelo prefeito Emanuel Pinheiro, na segunda-feira (06), durante a entrega do relógio de contagem regressiva para os 300 anos, o serviço deve ser finalizado nos próximos 60 dias. Na avenida, o município está executando o trabalho de jardinagem e paisagismo, o que resultará em uma completa transformação estrutural e visual do local.

A atividade de readequação da Mato Grosso está dividida em etapas que abrangem desde a remoção do concreto até a substituição de toda a estrutura por vegetação. No local, serão colocadas placas de grama e plantadas pelos menos 80 árvores de Ipês adultas e outras espécies nativas da região. A Prefeitura também efetuará uma grande melhoria no quesito iluminação pública, por meio da instalação de lâmpadas do tipo LED. Parte da via contará ainda com vagas para estacionamento de veículos, atendendo a demanda da região.

O processo está sendo coordenado pela Secretaria Extraordinária do 300 Anos, contando com a parceria das secretarias municipais de Serviços Urbanos e Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano. A obra recebe um investimento de aproximadamente R$ 700 mil, aplicados pela empresa Fort Atacadista, que engloba a manutenção, pelos próximos três anos, tanto do canteiro central quanto do relógio já construído. Após o vencimento do prazo mínimo, a parceria entre a Prefeitura e a empresa pode ser prorrogada, de acordo com o interesse de ambas as partes.

“Esse é uma das avenidas mais utilizadas pelo cuiabano e não podíamos deixar de contemplá-la com esse projeto. Estamos garantindo uma grande modernização e embelezamento da Mato Grosso e, ao mesmo tempo, melhorando a autoestima das milhares de pessoas que passam por esse local. Começamos esse processo com a construção e entrega do relógio dos 300 anos e vamos finalizar promovendo essa grande transformação no canteiro central. O mais importante nesse projeto é que tudo isso está sendo feito sem nenhum custo para a Prefeitura. Assim como estamos praticando em outras ações, conseguimos construir uma parceria com a iniciativa privada, que garantirá esse benefícios para a população”, comenta o prefeito Emanuel Pinheiro.

Mais avenidas

Além da Avenida Mato Grosso, o prefeito Emanuel Pinheiro entregou no mês passado, para as secretarias municipais de Serviços Urbanos e Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, um projeto de intervenção paisagística provisório. O plano já está sendo executado e abrange as avenidas Ten. Cel. Duarte (Prainha) e Historiador Rubens de Mendonça (Av. do CPA). A medida visa garantir o embelezamento e a valorização dessas grandes vias, por meio da ação de paisagismo.

Um dos principais pontos a ser destacado dentro desse projeto é o fato de ser uma intervenção provisória. Ou seja, todo material utilizado nos canteiros – onde a passagem do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT) está prevista – pode ser retirado e instalado em outros locais, a partir da retomada das obras do modal. Além disso, a atividade não gerará nenhum tipo de prejuízo aos cofres públicos. Isso porque, as espécies que serão plantadas são todas produzidas no Horto Florestal “Tote Garcia” e a mão de obra é feita por servidores da Secretaria de Serviços Urbanos.

Outras ações

As intervenções nas avenidas Mato Grosso, Ten. Cel. Duarte e Historiador Rubens de Mendonça dão prosseguimento nas ações que já vêm sendo executadas pela Prefeitura de Cuiabá na região central, no intuito de melhorar a infraestrutura da localidade. Dentre as medidas desenvolvidas, estão as revitalizações das praças Alencastro, Popular, Senhor dos Passos, Ipiranga e da Mandioca, bem como a entrega da moderna e inovadora Estação Alencastroe a revitalização dos tradicionais calçadões históricos.

Outra medida iniciada pelo Executivo cuiabano foi a execução do trabalho de recapeamento de cerca de 50 vias, entre ruas, avenidas e travessas, da área central. Ao todo, são R$ 5.181.650,00 sendo investidos na realização de mais de 13 quilômetros de recuperação asfáltica, contemplando vias como a Avenida Isaac Póvoas, Getúlio Vargas, Ten. Cel. Duarte, 13 de junho, Presidente Marques, Pedro Celestino, Comandante Costa, Joaquim Murtinho, Cândido Mariano e Presidente Afonso Pena.

 

 

 

 

Fonte: FolhaMax

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe sua resposta