Home Polícia Mulher vendia no Facebook roupas roubadas por marido que obrigava vítimas a...

Mulher vendia no Facebook roupas roubadas por marido que obrigava vítimas a fazer sexo oral

0

Durante as investigações, a equipe da Delegacia de Roubos e Furtos (Derf) descobriu que a mulher estava anunciando as peças em redes sociais, em uma comunidade chamada “Desapega”.

A Polícia Judiciária Civil prendeu E.L.S. tentando vender, na internet, roupas roubadas em assalto cometido pelo marido, Adalverto José de Marcelo Júnior, que já está preso.

Durante o assalto, o marido de E.L.S. obrigou uma vendedora da loja a fazer sexo oral nele. Antes de ser preso, ele repassou as roupas para a esposa, que vendia as peças em um grupo de compra e venda do Facebook.

Durante as investigações, a equipe da Delegacia de Roubos e Furtos (Derf) descobriu que a mulher estava anunciando as peças em redes sociais, em uma comunidade chamada “Desapega”. Trabalhando com as informações obtidas, os investigadores identificaram a mulher e encontraram com ela diversas peças de roupas roubadas da loja.

E.L.S. foi conduzida à delegacia, onde foi interrogada pelo delegado Eduardo Rizzoto de Carvalho. Ela alegou ter recebido as roupas do seu marido, Adalverto José de Marcelo Júnior.

O acusado já estava preso em razão de outro crime, cometido no mês de novembro de 2017. O caso teve grande repercussão, uma vez que além do roubo, o suspeito forçou a vítima a fazer sexo oral durante a ação criminosa. Na ocasião, o acusado foi autuado em flagrante por roubo e estupro.

E.L.S. foi encaminhada para exame de corpo e delito e posteriormente para audiência de custódia.

 

 

Fonte: RepórterMT

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe sua resposta