Home Política Mendes alerta para uso da máquina do Governo e acionará MPE

Mendes alerta para uso da máquina do Governo e acionará MPE

0

Nos bastidores, circula o comentário de que uma operação policial seria deflagrada com objetivos eleitorais

O candidato ao Governo Mauro Mendes (DEM) afirmou que acionará o Ministério Público e o Poder Judiciário por conta de um suposto uso da máquina do Governo contra a sua candidatura.

Segundo ele, nos últimos dias houve um aumento de “fake news” contra sua campanha e há informações de que órgãos oficiais possam ser usados eleitoralmente.

Nos bastidores, circula o comentário de que uma operação da polícia poderá ter como alvo familiares de Mendes, com objetivos eleitorais.

ELEIÇÕES 2018 POLÍTICA OPINIÃO POLÍCIA COTIDIANO JUDICIÁRIO ECONOMIA VARIEDADES ESPORTES AGRONEGÓCIOS NEGÓCIOS Entrevista da semana
“SOU O NOVO”
“O sistema político é feito para eleger sempre as mesmas pessoas”
Leia Outras ENQUETES
Na sua opinião, os candidatos ao Governo de MT estão fazendo propostas?
Sim Não Eles só querem bater boca Votar Parcial PUBLICIDADE

ELEIÇÕES 2018 / ATAQUES À FAMÍLIA
14.09.2018 | 11h11 Tamanho do texto A- A+
Mendes alerta para uso da máquina do Governo e acionará MPE
Nos bastidores, circula o comentário de que uma operação policial seria deflagrada com objetivos eleitorais
Alair Ribeiro/MidiaNews
Clique para ampliar

O candidato ao Governo, Mauro Mendes, que acusou uso da máquina

CAMILA RIBEIRO
DA REDAÇÃO
O candidato ao Governo Mauro Mendes (DEM) afirmou que acionará o Ministério Público e o Poder Judiciário por conta de um suposto uso da máquina do Governo contra a sua candidatura.

Segundo ele, nos últimos dias houve um aumento de “fake news” contra sua campanha e há informações de que órgãos oficiais possam ser usados eleitoralmente.

Nos bastidores, circula o comentário de que uma operação da polícia poderá ter como alvo familiares de Mendes, com objetivos eleitorais.

Os fatos que chegam à campanha dão conta de que os órgãos oficiais do governo serão utilizados para tentar criar constrangimentos para Mauro Mendes e sua família
“Desta vez, as informações são mais graves, pois os fatos que chegam à campanha dão conta de que os órgãos oficiais do governo serão utilizados para tentar criar constrangimentos para Mauro Mendes e sua família”, disse Mendes, em nota.

Segundo ele, tais fatos estariam ocorrendo em razão de ele liderar as pesquisas de opinião divulgadas até o momento.

Mendes afirmou que os fatos não podem ser ignorados e citou, inclusive, o episódio dos grampos ilegais, supostamente operado pela Polícia Militar em Mato Grosso.

“É bom lembrar que este Governo já utilizou de expedientes ilegais para grampear e ouvir os seus adversários políticos, no escândalo que ficou conhecido como a grampolândia pantaneira”, afirmou.

“Perdeu a serenidade”

Ainda no documento, Mendes criticou a postura do governador Pedro Taques (PSDB) e disse que recentes entrevistas concedidas pelo tucano mostram que ele “perdeu a serenidade para manter a campanha em nível de civilidade”.

“A campanha de Mauro Mendes resolveu lançar esse alerta público à imprensa de Mato Grosso, informando inclusive que juridicamente está solicitando providências por parte do Poder Judiciário e do Ministério Público”, disse o ex-prefeito.

“Mauro Mendes continuará fazendo uma campanha limpa e denunciará, sempre que necessário, as fake news e a criminosa utilização de aparelhos estatais”, acrescentou.

Confira nota na íntegra:

“A campanha do candidato Mauro Mendes, do Democratas, líder em todas as pesquisas de opinião pública, tem recebido informações gravíssimas a respeito da utilização da máquina pública, com envolvimento de órgãos oficiais que estariam sendo utilizados para criar e inventar fatos que pudessem macular a imagem de Mauro Mendes.

Desta vez, as informações são mais graves, pois os fatos que chegam à campanha dão conta de que os órgãos oficiais do governo serão utilizados para tentar criar constrangimentos para Mauro Mendes e sua família.

Tais informações não podem ser ignoradas, pois é bom lembrar que este governo já utilizou de expedientes ilegais para grampear e ouvir os seus adversários políticos, no escândalo que ficou conhecido como a grampolândia pantaneira.

Como nos últimos dias, nas entrevistas que tem concedido e nas agressões mentirosas feitas pelo WhatsApp, ficou demonstrado que o governador perdeu completamente a serenidade para manter a campanha em nível de civilidade.

A campanha de Mauro Mendes resolveu lançar esse alerta público à imprensa de Mato Grosso, informando inclusive que juridicamente está solicitando providências por parte do Poder Judiciário e do Ministério Público.

Mauro Mendes continuará fazendo uma campanha limpa e denunciará, sempre que necessário, as fake news e a criminosa utilização de aparelhos estatais.

Nos últimos dias tem circulado um volume gigantesco de “fake news”, notícias mentirosas que circulam anonimamente pela internet. Quem faz isso é criminoso, desrespeita a lei e tenta enganar o eleitor.

A VERDADE VAI VENCER A MENTIRA.”

 

 

 

 

Fonte: MidiaNews

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe sua resposta