Home Saúde Mais de 790 mil casos de câncer no mundo são associados a...

Mais de 790 mil casos de câncer no mundo são associados a diabetes

0

A obesidade - normalmente acompanhada por altos níveis de açúcar e insulina - é um conhecido fator de risco do câncer colorretal.

Pessoas que convivem com o diabetes precisam estar sempre em alerta lendo rótulos, medindo a quantidade de carboidratos e os níveis de glicemia no sangue. No entanto, um artigo publicado no periódico científico The Lancet mostra mais um aspecto que as pessoas com diabetes precisam se preocupar: o câncer.

De acordo com a pesquisa, presença de diabetes e alto índice de massa corporal (IMC) estão associados ao aumento no risco de diferentes tipos de câncer. Os cientistas analisaram prontuários médicos de 175 países em 2012 e descobriram que 792.600 casos de câncer tiveram relação com efeitos da diabetes e IMC alto (índice de massa corporal). Os cientistas consideraram o IMC alto medidas que estavam acima de 25 kg/m2.

Os cientistas observaram que tanto o diabetes quanto o IMC alto foram responsáveis por 38,4% dos casos de câncer de endométrio e 24,5% dos casos de câncer de fígado.

O estudo, no entanto, não conseguiu encontrar uma relação causal para que fatores como diabetes e IMC alto possam desencadear o câncer.

Outros estudos

Essa não é a primeira vez que os casos de câncer são associados à presença do diabetes e obesidade. Um estudo realizado pelo Albert Einstein College of Medicine of Yeshiva University, em Nova York descobriu que os níveis elevados de glicose no sangue poderia causar maiores chances de desenvolver câncer colorretal.

As descobertas vieram da observação de cinco mil mulheres na pós-menopausa. Os níveis de açúcar no sangue em jejum e de insulina foram medidos no início do estudo e, depois, mais outras vezes ao longo de 12 anos. Ao final deste período, 81 mulheres desenvolveram câncer colorretal. Os pesquisadores descobriram que mulheres com glicose mais alta eram, aproximadamente, duas vezes mais propensas a desenvolver esse tipo de câncer do que aquelas com níveis mais baixos de glicose. Não foi encontrada nenhuma relação do câncer com os níveis de insulina.

A obesidade – normalmente acompanhada por altos níveis de açúcar e insulina – é um conhecido fator de risco do câncer colorretal. Para os pesquisadores, o impacto da obesidade sobre esse tipo de câncer pode acontecer por causa dos níveis elevados de glicose que acompanham o excesso de peso, ou por conta de algum fator correlacionado com níveis elevados de glicose.

Diabetes e obesidade no mundo

Um levantamento realizado pela Organização das Nações Unidas constatou que os índices de obesidade mais que duplicaram entre 1980 e 2014. Em 2014, 600 milhões a mais de pessoas estavam obesas.

Os números relacionados ao diabetes também aumentaram. Um outro relatório feito pela Organização das Nações Unidas informa que o número de pessoas vivendo com diabetes nos últimos 34 anos quase quadriplicou. A análise aponta que cerca de 422 milhões de adultos no mundo, o equivalente a 8% da população viviam com diabetes em 2014

FONTE:MINHA VIDA

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe sua resposta