Home Esportes Kerber bate Ostapenko e volta a disputar final de Wimbledon após dois...

Kerber bate Ostapenko e volta a disputar final de Wimbledon após dois anos

0

Ex-número 1 do mundo pode reeditar decisão de 2016, quando enfrentou Serena Williams

Angelique Kerber está de volta a uma final de Grand Slam após quase dois anos. Nesta quinta-feira, a alemã fez mais uma grande partida em Wimbledon e derrotou a letã Jelena Ostapenko (12ª do ranking) por 2 sets a 0, com um duplo 6/3, em 1h07 de jogo, para garantir uma vaga na decisão do torneio. Ela chega à disputa do troféu após perder apenas um set em toda sua trajetória na competição.

A última vez que Kerber disputou o título de um torneio Grand Slam foi em 2016, no US Open, quando foi campeã. Naquele mesmo ano, a alemã também chegou à decisão em Wimbledon, sendo derrotada na final para Serena Williams.

O resultado em Wimbledon coloca Kerber, atual número 10 do mundo, ao menos na 6ª posição do ranking da WTA. Ex-número 1 do mundo, a alemã pode assumir o 4º lugar caso seja campeã do torneio.

O jogo

Jelena Ostapenko não conseguiu neutralizar o saque de Kerber (Foto: REUTERS/Toby Melville)

Desde o início do jogo, Kerber foi quem comandou as ações da partida. Com um bom saque, a alemã dava poucas chances para as devoluções de Ostapenko e se mantinha firme, incomodando o

serviço da letã. Depois de desperdiçar dois break points nos games inaugurais, Kerber enfim conseguiu uma quebra no sétimo, para fazer 4/3. Precisando arriscar para se manter viva, Ostapenko não resistiu a um novo break, que definiu o set em 6/3.

 Depois de ganhar os quatro games anteriores, Kerber manteve o embalo para quebrar Ostapenko mais uma vez logo no início do segundo set, abrindo logo 3/0. Sem opção a não ser arriscar mais, a letã seguiu cometendo erros e sofreu um novo break no sexto game. A alemã, no entanto, sacou para o jogo em 5/1, perdeu match point e deu uma sobrevida para a rival. Mas, novamente com o serviço, ela não deu chances e fechou o jogo em 6/3.
Fonte: EsporTV

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe sua resposta