Home Cidades Em Alto Paraguai, relojoaria tem vidros quebrados e é alvo de furto...

Em Alto Paraguai, relojoaria tem vidros quebrados e é alvo de furto mais uma vez

0

A relojoaria vem sofrendo constantes furtos o que tem causado transtornos para os empresários que investem na cidade

Policiais Militares de Alto Paraguai prenderam no dia 23/11, 03 adolescentes de 16 e 17 anos que invadiram uma loja e furtaram vários objetos no município.

De acordo com informações da Polícia Militar eles atenderam uma denúncia feita via 190, onde relatava que a relojoaria estaria com os vidros quebrados.

Os Policiais foram até o local e realizaram diligências no entorno da loja, onde foi encontrada pegadas que indicavam a direção dos suspeitos.

Após localizar o primeiro suspeito do crime, os policiais conseguiram chegar a outras duas pessoas, também menores de idade, que participaram da invasão e furto da loja.

Os três esconderam os objetos subtraídos em um morro, onde foi posteriormente recuperado pelos policiais.

Os três foram então encaminhados para a Delegacia juntamente com os objetos furtados para providências.

Material apreendido: 10 óculos, 02 correntes, 04 anéis, 08 pares de brinco e 5 semi-joias em avulso.

Suspeitos: J. C. S. (16 anos), E. G. L. N. (17 anos) e C. O. C. (17 anos ).

Policiais que participaram da ocorrência: 3º Sargento PM Roosevelt e Soldado PM Guilherme.

Legislação:

Tramita no Congresso nacional uma sugestão para a mudança do Art. 27 do código penal de 1940 e do Art. 228 da constituição federal de 1988 para que possamos responsabilizar criminosos acima de 15 anos em casos de crimes como estupro e assassinato.

Também está sugerido o endurecimento de penas em casos de sequestro, tortura e assalto a mão armada, haja visto que menores hoje são aliciados justamente por serem inimputáveis.

Furto por enquanto não existe nem sugestão para o inimputáveis.

Fonte: Biorosário e Ideal MT

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe sua resposta