Home Esportes Após classificação do Cruzeiro, ônibus do clube é atingido por garrafas e...

Após classificação do Cruzeiro, ônibus do clube é atingido por garrafas e pedras em volta à Toca

0

Vândalos atingem ônibus que levava a delegação de volta para a Toca da Raposa, após clássico com o Atlético-MG e vaga nas semifinais da Copa do Brasil; boletim de ocorrência foi feito

Classificado para as semifinais da Copa do Brasil, o Cruzeiro teve um incidente na volta para a Toca da Raposa, após garantir a vaga no Independência. Vândalos atingiram o ônibus com pedaços de pau, pedras e uma garrafa de cerveja, que chegou a estourar um vidro do ônibus. Ninguém se feriu, segundo o clube, que realizou um boletim de ocorrência na chegada ao centro de treinamento.

Segundo o clube mineiro, o incidente ocorreu na avenida Silviano Brandão, na Região Leste de Belo Horizonte, metros depois de o ônibus deixar o Independência com jogadores, membros da comissão técnica e também da diretoria cruzeirense.

Nenhum torcedor, até o momento, foi identificado pela Polícia Militar, que escoltava a delegação na volta à Toca da Raposa. A garrafa que quebrou o vidro chegou a atingir a parte interna do ônibus, mas acabou não machucando nenhum jogador.

O Cruzeiro passou para a semifinal da Copa do Brasil pela quarta vez seguida. A vaga veio após a derrota por 2 a 0, pois o time de Mano Menezes havia vencido na ida por 3 a 0, no Mineirão. A equipe irá enfrentar o Internacional, em jogos nas duas primeiras semanas de agosto.

O Cruzeiro emitiu nota oficial sobre o episódio. O clube “lamenta e repudia qualquer ato de vandalismo desta natureza e enfatiza que a classificação foi decidida dentro das quatro linhas, prevalecendo sempre o respeito entre os adversários, independente do resultado ao final do jogo”.

Confira a nota oficial do clube:

Após a classificação para mais uma semifinal da Copa do Brasil, em partida disputada contra o Atlético-MG, o ônibus que transportava a delegação cruzeirense foi alvejado na Avenida Silviano Brandão por vândalos que atiraram pedaços de pau, pedras e garrafas, que por pouco não atingiram atletas, membros da comissão técnica e da diretoria.

Felizmente, nenhum integrante da delegação sofreu ferimentos.

O Cruzeiro Esporte Clube lamenta e repudia qualquer ato de vandalismo desta natureza e enfatiza que a classificação foi decidida dentro das quatro linhas, prevalecendo sempre o respeito entre os adversários, independente do resultado ao final do jogo.

Globo Esporte

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe sua resposta