Home Agro Notícias Supersafra de grãos deve render para MT mais de 62 milhões de...

Supersafra de grãos deve render para MT mais de 62 milhões de toneladas

0

A produção de grãos da atual safra 2016/2017 em Mato Grosso está estimada para chegar em 62,2 milhões de toneladas. O estado deverá corresponder a 25,7% de toda a produção de grãos do país e esse número representaria um aumento de 41,7% do que o período produtivo anterior, o que confirma mais uma vez a supersafra dessa temporada.

Os números constam na sétima estimativa de safra, de julho, realizada pelo IBGE e divulgada nesta quinta (10). Os indicadores desse último balanço são 1,8% mais altos do que o publicado em junho.

Segundo o IBGE, a área plantada no estado deve ficar em 15,2 milhões de hectares, o que representaria um aumento de 9,1% em relação ao período produtivo passado. Nesse quesito, Mato Grosso deve corresponder a 24,9% da semeadura do país.

Em relação às principais culturas, a soja foi estimada com uma produção de 30,7 milhões de toneladas, 16,9% maior do que na safra 2015/2016. A produtividade pode alcançar 3,3 mil kg/ha, 14,3% maior do que o obtido em 15/16 e a área plantada deve ser de 9,3 milhões de hectares, somente 1,9% maior do que anteriormente.

No caso do milho, os produtores devem conseguir 28,7 milhões de toneladas, o que seria um incremento relevante de 87,5% em comparação à safra passada, quando houve uma quebra. A produtividade pode alcançar 6 mil kg/ha – um aumento de 47,7% – e a área plantada deve ficar em 4,7 milhões de hectares, 21,6% superior do que a registrada no ano passado.

Ainda segundo o IBGE, o algodão em caroço deve gerar 2,4 milhões de toneladas, número 11,9% maior do que a safra 15/16. A produtividade pode alcançar 4 mil kg/ha – um acréscimo de 9,3% – e a semeadura deve ficar em 620,6 mil hectares, somente 1,9% maior.

Conab

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), como tem sido praxe, também lançou sua estimativa nesta quinta. Em seu 11º e penúltimo levantamento de safra, a instituição informou que Mato Grosso deve alcançar uma produção de 60,8 milhões de toneladas de grãos, número um pouco mais modesto que o do IBGE.
Nesse balanço, a Conab aumentou em apenas 1,6% em relação ao décimo levantamento, mas em 40% na comparação com o período produtivo passado.

O estado deve conseguir uma produtividade de 4 mil kg/ha, valor 31% superior do que na safra passada. A área plantada deve ficar em 14,9 milhões de hectares, o que representaria um aumento de 6,9%.

A Companhia ainda calcula que a produção de soja deve alcançar 30,5 milhões de toneladas, o milho foi estimado em uma produção total de 27,6 milhões de toneladas e na terceira colocação aparece o algodão, que deve conseguir uma produção de 2,5 milhões de toneladas.

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe sua resposta